PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Sem Lukaku, United sofre e perde para Brighton no Inglês

Abrindo a penúltima rodada do Campeonato Inglês, o Manchester United foi até o The America Express Community Stadium e não conseguiu ultrapassar a defesa do Brighton, saindo com a derrota por 1 a 0. Com o resultado, os Reds permanecem na vice-colocação e, mesmo que estejam bem próximos de uma vaga para a próxima Liga dos [?]

18:00 | 04/05/2018

Abrindo a penúltima rodada do Campeonato Inglês, o Manchester United foi até o The America Express Community Stadium e não conseguiu ultrapassar a defesa do Brighton, saindo com a derrota por 1 a 0. Com o resultado, os Reds permanecem na vice-colocação e, mesmo que estejam bem próximos de uma vaga para a próxima Liga dos Campeões, ela ainda não está garantida. Já o Brighton alcança os 40 pontos e espera os outros jogos da rodada para saber se permanece na recém-conquistada 11ª colocação.

Sem Lukaku, lesionado, o primeiro tempo foi marcado por poucas chances, mas mais ofensividade dos donos da casa. Na volta para a segunda etapa, Pascal Grob abriu o placar aos 12 minutos. A bola chegou a ser retirada pela zaga, mas o árbitro corretamente confirmou o gol, que havia passado a linha. O United criou apenas duas oportunidades e não conseguiu reverter o resultado.

Na próxima quinta-feira, os Reds fazem uma partida atrasada da 31ª rodada contra o West Ham, fora de casa, enquanto o Brighton visita o Manchester City pela mesma rodada, mas na quarta-feira. No domingo, fechando a Premier League desta temporada, o United enfrenta o Watford em casa e o o Brighton vai a Anfield encarar o Liverpool. Além da Premier League, Mourinho e companhia voltam suas atenções para a final da Copa da Inglaterra contra o Chelsea, em 19 de maio.

O jogo

A partida iniciou mais ofensiva para os visitantes, que, logo aos 3 minutos, abriram o placar de falta, mas Fellaini, que tocou na bola antes de ela entrar no gol, estava impedido e o tento foi invalidado. O Brighton não se intimidou, manteve boa posse de bola e foi para cima, mas sem muito perigo para o gol de De Gea, como aos 12 minutos, quando os donos da casa conseguiram achar um espaço, mas a bola foi direto nas mãos do arqueiro.

No entanto, aos 19 minutos, De Gea precisou se esticar para alcançar a bola chutada de fora área por Murray. A resposta veio cinco minutos depois, em lance pela direita, com Rashford, que teve chute desviado para fora. Mesmo assim, as melhores jogadas foram criadas pelo Brighton, mesmo que sem efetividade.

Na volta para a segunda etapa, nenhuma modificação nas equipes. O primeiro chute a gol foi de Pogba aos 6 minutos, mas, assim como no primeiro tempo, o jogo era bastante morno. Aos 12 minutos, em rápido lance pela esquerda, o número 10 cruzou, Pascal Grob cabeceou e, apesar da tentativa de tirar a bola, o árbitro assinalou corretamente a abertura do placar, já que ela cruzou a linha antes de ser chutada para longe. 1 a 0 para o Brighton. As únicas oportunidades de empate vieram aos 26 minutos, com Rashford, e já no final da partida, com Lingard.

Gazeta Esportiva