PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Em novo ciclo, Everton diz que Raí foi decisivo para fechar com São Paulo

O meia-atacante Everton foi apresentado na tarde desta quarta-feira como novo reforço do São Paulo. Após receber a camisa 18 das mãos do diretor-executivo de futebol Raí, o ex-jogador do Flamengo disse que a troca foi motivada pela influência dos dirigentes são-paulinos. ?Tive uma conversa com o Raí e com o Ricardo Rocha (coordenador de [?]

16:15 | 18/04/2018

O meia-atacante Everton foi apresentado na tarde desta quarta-feira como novo reforço do São Paulo. Após receber a camisa 18 das mãos do diretor-executivo de futebol Raí, o ex-jogador do Flamengo disse que a troca foi motivada pela influência dos dirigentes são-paulinos.

?Tive uma conversa com o Raí e com o Ricardo Rocha (coordenador de futebol), que são craques. Eles me passaram coisas boas do São Paulo, que tem um grupo muito forte, unido e experiente. Assisti o São Paulo jogar. Tem um grande treinador e tenho certeza que vou encaixar ali?, vislumbrou o atleta, em entrevista coletiva, no CT da Barra Funda.

Aos 29 anos, Everton teve 100% de seus direitos econômicos comprados pelo São Paulo por R$ 15 milhões e assinou um contrato válido por três temporadas, com possibilidade de prorrogação por mais uma. Após duas passagens pelo Flamengo, o meia entendeu que precisava de uma mudança de ares.

?Os dois times são gigantes. Eu vi que meu ciclo no Flamengo estava acabando. O São Paulo é um time que vai buscar títulos também. Estou muito tranquilo, é uma escolha muito pensada. Tenho certeza que vai dar certo?, assegurou.

Everton, contudo, não poderá fazer sua estreia pelo São Paulo no duelo contra o Atlético-PR, nesta quinta-feira, pelo jogo de volta da quarta fase da Copa do Brasil. De acordo com Raí, o jogador não será regularizado a tempo de atuar no dia seguinte à sua apresentação.

?Infelizmente, não vamos poder contar com ele por uma questão burocrática. Mas aproveito o momento para convocar a torcida para o jogo importantíssimo contra o Atlético-PR. Precisamos da força da torcida para termos maior chances de passar de fase?, explicou o dirigente.

Revelado no Paraná Clube, Everton se destacou no Flamengo, por quem jogou um total de 245 partidas durante duas passagens (de 2008 a 2009 e de 2014 até os dias atuais). São 37 gols anotados, sendo três neste ano. Pelo Rubro-Negro, sagrou-se campeão do Campeonato Brasileiro de 2009 e dos Campeonatos Cariocas de 2014 e 2017.

?(Estou) preparadíssimo. Joguei no Flamengo por quatro anos e teve uma pressão muito grande, ainda mais nessas últimas temporadas. Estou muito preparado. Tenho uma idade boa, uma família boa e é só jogar futebol?, ressaltou o recém-contratado.

Com Everton, o São Paulo atinge a marca de nove reforços para a temporada 2018. Antes dele foram contratados Jean, Diego Souza, Anderson Martins, Nenê, Tréllez, Valdívia, Régis e Gonzalo Carneiro.

?Estamos apresentando um jogador de indiscutíveis qualidades. Confirma o projeto do São Paulo de superar dificuldades através da qualificação de sua equipe de futebol. O São Paulo luta há algum tempo para retornar para sua condição de instituição séria e vitoriosa. Chegamos a este momento de início de Campeonato Brasileiro consolidados pelo seu elenco e direção. Um plantel verdadeiramente qualificado para representar a nossa instituição e o clube?, avaliou o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

Gazeta Esportiva

TAGS