PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Coxa acaba com invencibilidade do Furacão e sai na frente na decisão

O Coritiba saiu na frente no duelo diante do rival Atlético Paranaense na briga pelo título do Campeonato Paranaense e venceu o primeiro jogo da decisão por 1 a 0, no Couto Pereira, encerrando com a invencibilidade do rival, único time da Série A que não havia perdido ainda em 2018. O time alviverde abriu [?]

18:00 | 01/04/2018

O Coritiba saiu na frente no duelo diante do rival Atlético Paranaense na briga pelo título do Campeonato Paranaense e venceu o primeiro jogo da decisão por 1 a 0, no Couto Pereira, encerrando com a invencibilidade do rival, único time da Série A que não havia perdido ainda em 2018.

O time alviverde abriu a contagem aos 28 minutos do primeiro tempo, com Julio Rusch, que cobrou falta da entrada da área e estufou a rede rubro-negra.

As equipes voltam a se encontrar no próximo domingo, na Arena da Baixada. O Coxa terá a vantagem do empate para comemorar o título Estadual.

O jogo ? A partida começou com muita marcação e o alviverde tentando ficar com a posse de bola. Aos sete minutos, Julio Rusch levantou na área, Matheus Galdezani desviou no meio do caminho, mas fraco, sem perigo. A resposta veio aos 11 minutos, com Pierre, que soltou o pé, de fora da área, e obrigou Wilson a espalmar para salvar e afastar a bola da área coxa-branca.

Poucas emoções no Alto da Glória, com as ações concentrada no meio-campo e alguma ligações diretas, sem sucesso. Aos 20 minutos, Ederson apareceu com liberdade, invadiu a área e arrematou para boa defesa de Wilson. O troco veio com Evandro, que pegou e primeira o cruzamento de Pablo para linda intervenção de Caio. Mas, aos 28 minutos, Julio Rusch cobrou falta da meia lua e estufou a rede para abrir o placar no Couto.

O Furacão estava um pouco mais nervoso em campo do que o usual, parando as jogadas com entradas mais fortes. Aos 37 minutos, João Pedro cobrou falta e Wilson saiu bem da meta para impedir a chegada de Léo Pereira no segundo pau. Poucas oportunidades de gol no primeiro tempo, mas o Coritiba conseguiu aproveitar a bola parada.

Depois do intervalo, os times voltaram ao gramado sem alterações. Aos quatro minutos, recebeu de Thiago Lopes de frente para a meta, arriscou o chute, e desperdiçou uma boa chance para ampliar. O alviverde marcava forte, segurava a posse de bola e apostava nos contra-ataques. Aos nove minutos, Thiago Lopes recebeu de Evandro e chutou rasteiro para defesa de Caio.

O ritmo da partida caiu bastante e os dois treinadores mexeram nas equipes, ainda tentando algo mais na reta final da partida. Aos 24 minutos, Yago lançou Ederson em velocidade, mas o atacante rubro-negro não alcançou a bola. Aos 29 minutos, bola na área e Ederson desviou direto pela linha de fundo.

O Atlético não mostrava força ofensiva, enquanto o Coritiba parecia satisfeito. A bola passava mais tempo parada do que em jogo. Aos 42 minutos, confusão na entrada da área coxa-branca, e ninguém apareceu para aproveitar a bola que ficou solta. Nos acréscimos, Alex Sandro apareceu com liberdade e Wilson saiu em seus pés para salvar. Já aos 51 minutos, cobrança de falta para Renan Lodi que Wilson defendeu e garantiu a vitória.

CORITIBA 1 X 0 ATLÉTICO-PR

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Data: 1º de abril de 2019, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Rafael Traci

Assistentes: Pedro Martinelli Christino e Weber Felipe Silva

Cartões amarelos: Galdezani, João Paulo (Coritiba); Zé Ivaldo, Pierre, Bruno Guimarães, Léo Pereira (Atlético-PR)

Gols

CORITIBA: Júlio Rusch, aos 28 minutos do primeiro tempo

CORITIBA: Wilson; Marcos Moser, Thalisson Kelven, Romércio e Leo Andrade; João Paulo, Júlio Rusch (Wellington Simião), Matheus Galdezani (Vitor Carvalho) e Thiago Lopes; Pablo e Evandro (Guilherme Parede).

Técnico: Sandro Forner

ATLÉTICO PARANAENSE : Caio; Diego Ferreira, Zé Ivaldo, Léo Pereira e Renan Lodi; Pierre, Bruno Guimarães e Matheus Anjos (Demethryus); João Pedro (Alex Sandro), Marcinho (Yago) e Ederson.

Técnico: Tiago Nunes

Gazeta Esportiva

TAGS