PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Marcos Guilherme explica reserva em estreia de Aguirre: ?Opção dele?

A saída de Marcos Guilherme para a entrada de Nenê chamou atenção na escalação do São Paulo para o duelo com o São Caetano, na tarde deste sábado, no Estádio Anacleto Campanella. O atacante vive boa fase e havia marcado gols nas vitórias sobre Red Bull Brasil (3 a 1) e CRB-AL (3 a 0). [?]

20:45 | 17/03/2018

A saída de Marcos Guilherme para a entrada de Nenê chamou atenção na escalação do São Paulo para o duelo com o São Caetano, na tarde deste sábado, no Estádio Anacleto Campanella. O atacante vive boa fase e havia marcado gols nas vitórias sobre Red Bull Brasil (3 a 1) e CRB-AL (3 a 0).

Após a derrota do Tricolor por 1 a 0, Marcos Guilherme garantiu que a mudança não ocorreu por motivos físicos e a atribuiu unicamente ao técnico Diego Aguirre, estreante no comando da equipe.

?Estava 100%. É opção total dele. O Aguirre está chegando agora, precisa ver opções para a equipe?, afirmou, na saída do estádio. ?Mais importante que eu jogar é a equipe vencer. Agora o jogo é em casa e precisamos estar concentrados para virar?, ponderou o artilheiro do time na temporada, com três gols.

Em entrevista coletiva, o treinador uruguaio comentou por que preferiu iniciar com Marcos Guilherme entre os reservas. ?Ele no banco era uma opção boa para o segundo tempo. Faltaram muitas coisas, mas eu preciso falar dos problemas da equipe com os jogadores. Vamos tentar melhorar no próximo jogo?, explicou.

De qualquer forma, Marcos Guilherme admitiu que o São Paulo teve uma atuação abaixo do esperado nesta tarde. ?Um jogo complicado, o campo estava difícil, demoramos um pouquinho para entrar no jogo. Mas já passou e agora temos que reverter?, afirmou o atacante, antes de pedir tempo para os jogadores assimilarem a filosofia de trabalho do novo comandante.

?Hoje foi o primeiro dia dele à frente da equipe. É normal termos dificuldade. Mas, para o jogo de terça, ele vai ter um pouco mais de tempo e vamos mais preparados?, assegurou.

Com o resultado, o Tricolor terá de vencer o Azulão por dois gols de diferença no duelo de volta para avançar às semifinais do Paulistão sem precisar das penalidades máximas. A partida está marcada para esta terça-feira, às 21 horas (de Brasília), no Morumbi.

Gazeta Esportiva

TAGS