PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Jardine revela pedido em preleção e exalta ?humildade? do São Paulo

André Jardine encerrou o seu trabalho como técnico interino do São Paulo com a tranquila vitória por 3 a 0 sobre o CRB-AL na noite desta quarta-feira, em Maceió. Para que o triunfo viesse sem sustos, contudo, o auxiliar permanente fez um pedido na preleção da partida válida pela terceira fase da Copa do Brasil. [?]

22:45 | 14/03/2018

André Jardine encerrou o seu trabalho como técnico interino do São Paulo com a tranquila vitória por 3 a 0 sobre o CRB-AL na noite desta quarta-feira, em Maceió. Para que o triunfo viesse sem sustos, contudo, o auxiliar permanente fez um pedido na preleção da partida válida pela terceira fase da Copa do Brasil.

?O CRB é uma excelente equipe, muito bem treinada. Quem vê o placar, acha que o jogo foi fácil. Mas não foi. Tivemos de nos defender muito. O tema da preleção foi para que a gente tivesse muita humildade, marcasse bem o CRB em cada lance. E o CRB valorizou nossa vitória. O placar premiou a determinação?, analisou Jardine.

Aconselhado pelo uruguaio Diego Aguirre, que ainda não obteve o visto de trabalho no Brasil, Jardine armou a equipe sem Nenê e Diego Souza, mas com os retornos de Anderson Martins e Jucilei, recuperados de lesão, e Rodrigo Caio, Éder Militão e Cueva, poupados na vitória sobre o Red Bull Brasil.

O primeiro gol saiu logo no início do jogo, com Marcos Guilherme, após erro na saída de bola do CRB. O segundo veio no começo da etapa complementar, com Valdívia, que depois cobrou escanteio no cabeça de Rodrigo Caio, autor do terceiro tento do time tricolor.

Satisfeito com a atuação, Jardine disse o que pode se esperar do time para o restante do ano. ?É o São Paulo que todo mundo viu hoje, motivado, querendo crescer, com bastante humildade, entendendo que a gente tem que evoluir. Perceberam que era o momento de se ajudar. A gente sabe que tem potencial para buscar as vitórias?, bradou o interino.

Assim como no triunfo de domingo, Jardine revelou que contou com a ajuda de Aguirre na armação da equipe. ?Montamos juntos a estratégia, dentro daquilo que ele podia contribuir, dando suas opiniões. Construímos muito bem a ideia deste jogo. Conseguimos ver um time mais descansado, principalmente de cabeça, e uma atuação muito boa num jogo difícil?, avaliou.

Com o resultado, o São Paulo avançou à quarta fase da Copa do Brasil, da qual conhecerá o adversário por meio de sorteio, a ser realizado pela CBF, na próxima segunda-feira.

Provavelmente com Aguirre no comando, o time volta a campo neste sábado, às 16 horas (de Brasília), no Anacleto Campanella, para encarar o São Caetano, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Paulista.

Gazeta Esportiva

TAGS