PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Depois de goleada, Liverpool fica no zero e se classifica às quartas

O Liverpool confirmou o que a maioria dos torcedores de futebol já esperava. Nesta terça-feira, no Estádio de Anfield, na Inglaterra, a equipe da casa não saiu do zero a zero com o time do Porto, em duelo válido pela partida de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, mas ainda assim garantiu [?]

18:45 | 06/03/2018

O Liverpool confirmou o que a maioria dos torcedores de futebol já esperava. Nesta terça-feira, no Estádio de Anfield, na Inglaterra, a equipe da casa não saiu do zero a zero com o time do Porto, em duelo válido pela partida de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, mas ainda assim garantiu classificação para a próxima fase do torneio devido a grande diferença no marcador obtida no primeiro jogo.

No confronto de ida entre as duas equipes, os ingleses atropelaram os rivais, mesmo jogando longe de seus domínios: placar de 5 a 0 construído e gigantesca vantagem para o duelo de volta. Os gols foram marcados por Salah, Roberto Firmino e Mané (três vezes).

Com a classificação praticamente assegurada antes mesmo de entrar em campo, o técnico do Liverpool, Jurgen Klopp, decidiu poupar alguns jogadores, tendo em vista o confronto com o Manchester United pelo Campeonato Inglês neste sábado, às 09h30 (horário de Brasília). O egípcio Salah, principal destaque dos Reds, foi um dos atletas a começarem a partida no banco de reservas.

O time de Anfield ainda não conhece seu adversário nas quartas de final da principal competição europeia, já que o rival será definido apenas por sorteio, organizado pela entidade máxima do futebol no continente, no dia 16 de março, sexta-feira.

O jogo ? Mesmo com a grande vantagem em seu favor, a equipe da Inglaterra aproveitou o fator casa e foi melhor durante todo o primeiro tempo, sonolento. Nos primeiros 25 minutos, a única chance ficou por conta de Mané, que não conseguiu aproveitar cruzamento para a área corretamente e finalizou para fora.

Durante o restante da etapa inicial, a outra boa oportunidade de abertura do placar saiu novamente dos pés do atacante senegalês. O jogador aproveitou passe de Milner, dominou bonito e chutou, mas a bola acertou o travessão de Casillas.

No segundo tempo, o cenário do período anterior permaneceu nos minutos iniciais, com o confronto truncado entre as duas equipes. Enquanto o Porto precisava de praticamente impossíveis cinco gols para levar o jogo à prorrogação, o Liverpool apenas administrava a grande diferença na classificatória.

Antes da marca dos 15 minutos da etapa, os Reds tiveram mais uma oportunidade de inaugurar o marcador. Roberto Firmino arrancou livre para a grande área e chutou, mas foi travado pelo ex-zagueiro do Corinthians, Felipe, que impediu a finalização já caído no gramado.

No restante do tempo, o Porto até foi melhor, passando a ameaçar mais o gol de Karius em finalizações de Corona, Sergio Oliveira e, principalmente, Óliver Torres, que teria feito o gol do jogo se não fosse a perna de Klavan, bloqueando o chute já próximo da pequena área. Ao apito final do juiz, o 0 a 0 no placar foi sacramentado, junto da classificação do Liverpool às quartas de final da Liga dos Campeões.

FICHA TÉCNICA

LIVERPOOL 0 X 0 PORTO

Local: Estádio Anfield, em Liverpool, Inglaterra

Data: 06 de março de 2018, terça-feira

Horário: 16h45 (horário de Brasília)

Árbitro: Felix Zwayer (Alemanha)

Assistentes: Thorsten Schiffner e Marco Achmüller (Alemanha)

Cartões amarelos: Henderson (Liverpool), André André e Diogo Dalot (Porto)

LIVERPOOL: Karius; Joe Gomez, Matip, Lovren e Alberto Moreno; Milner, Henderson, Emre Can (Klavan) e Lallana; Mané (Salah) e Roberto Firmino (Ings)

Técnico: Jurgen Klopp

PORTO: Casillas; Maxi Pereira, Felipe, Diego Reyes e Diogo Dalot; Óliver Torres, André André (Sergio Oliveira), Bruno Costa e Corona; Majeed Waris (Ricardo) e Aboubakar (Gonçalo Paciência)

Técnico: Sérgio Conceição

Gazeta Esportiva

TAGS