Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Dorival repete formação em treino e faz ajustes ofensivos no São Paulo

Com os portões do CCT da Barra Funda fechados, o São Paulo realizou o seu penúltimo treino durante a manhã desta sexta-feira. Comandando uma atividade tática, com o zagueiro Diego Lugano entre os titulares, o técnico Dorival Júnior manteve a escalação da última quinta, que deve iniciar o duelo com o Bahia, neste domingo, no [?]
13:45 | Dez. 01, 2017
Autor -
Foto do autor
- Autor
Tipo Notícia

Com os portões do CCT da Barra Funda fechados, o São Paulo realizou o seu penúltimo treino durante a manhã desta sexta-feira. Comandando uma atividade tática, com o zagueiro Diego Lugano entre os titulares, o técnico Dorival Júnior manteve a escalação da última quinta, que deve iniciar o duelo com o Bahia, neste domingo, no Morumbi.

Sidão; Éder Militão, Lugano, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei; Marcos Guilherme, Petros, Shaylon e Cueva; Brenner deverão ser os 11 jogadores que começarão o último duelo do ano, válido pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro, de acordo com o site oficial do clube.

Nesta manhã, dividindo os jogadores em duas equipes, Dorival procurou fazer ajustes no sistema ofensivo do São Paulo. Nesta primeira parte do treino, os times se alternaram nas investidas e deram trabalho aos goleiros.

Simulando jogadas e situações de jogo, o comandando passou diversas orientações aos atletas e cobrou agilidade nas trocas de passes, além de efetividade nos fundamentos. Dorival ainda conversou individualmente com alguns jogadores para instruí-los em relação ao posicionamento ideal nas investidas.

Por último, uma parte do grupo aprimorou finalizações da entrada da área. Os atacantes Marcos Guilherme e Brenner foram os que tiveram melhor aproveitamento. Já os meio-campistas Shaylon e Petros treinaram chutes de média e longa distância.

Com um estiramento na coxa direita, o meia Hernanes e o centroavante Lucas Pratto continuarão fora. Shaylon e Brenner serão seus substitutos, respectivamente. Em compensação, o volante Petros, livre de suspensão, retornará à equipe. Já Lugano, fazendo sua despedida como jogador do São Paulo, será titular no lugar de Arboleda.

Com 49 pontos, São Paulo (12º) e Bahia (11º) encerrarão suas respectivas preparações neste sábado. As equipes, livres do risco de rebaixamento, farão um confronto direto sonhando com uma improvável vaga na Copa Libertadores de 2018. O duelo está marcado para este domingo, às 17 horas (de Brasília), no Morumbi.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Como você lida com as suas emoções?

08:18 | Ago. 05, 2021
Autor
Tipo Análise

 

As emoções podem ser as verdadeiras responsáveis pelo nosso sucesso ou fracasso na vida. Nesses mais de 36 anos trabalhando com o campo emocional, uma das questões mais recorrentes é que pouca gente sabe como tratar as emoções.

Quase ninguém sabe como lidar conscientemente com o mundo emocional. As pessoas normalmente querem apagar, controlar ou amortecer suas emoções, sem saber que tentando isso as emoções vão ficar mais carregadas e podem até explodir em alguns momentos de raiva ou de ira. Ou se for um medo, ele pode implodir se tornando uma depressão.

Outros sintomas do trauma emocional são: dificuldade para dormir, estresse, irritação, depressão e todas as consequências advindas disso, como dificuldade no trabalho, relacionamentos insatisfatórios e problemas de saúde.

Então, Ashara, o que fazer para equilibrar as emoções?

O primeiro passo é compreender que não se pode excluir nem apagar as emoções. Vamos tomar o exemplo da raiva. Você é uma pessoa raivosa? Faça essa uma reflexão agora e responda pra si mesma como você percebe e reage ao sentimento de raiva. Existem dois tipos de pessoas raivosas: a primeira, que explode e mostra o ‘monstro’ que existe dentro; e outra que esconde a raiva e normalmente se vitimiza. Geralmente o segundo tipo é mais bem aceito pela sociedade. Porém, essa raiva contida e controlada vai minando o sistema de defesa dessa pessoa e ela vai acabar explodindo quando algum gatilho se fizer presente.

Um exemplo recente que podemos citar é o caso da ginasta e medalhista olímpica Simone Biles que sentindo toda a pressão para se manter no topo da ginástica olímpica colapsou, desistindo de algumas provas.

E o que é um gatilho emocional? É qualquer situação ou pessoa que dispara a nossa ferida emocional, o nosso trauma.

Durante os primeiros sete anos de nossa vida somos basicamente emoção. O que quer que aconteça nesse período de nossas vida, como uma briga ou mesmo uma separação dos nossos pais, a morte de um ente querido, um acidente com feridos ou mortos pode gerar um trauma e esse choque fica marcado como uma ferida ou carga emocional.

Na infância não somos capazes de olhar para essa ferida. O que fazemos é tentar escondê-la; e essa carga emocional fica retida no nosso inconsciente. Logo na infância aprendemos a sedar ou controlar essa carga porque não fomos ensinados a lidar, curar e integrar essa ferida emocional.

"As emoções uma hora ou outra se ‘vingam’ e destroem aquilo que tentamos construir, seja um projeto de vida, um negócio, uma profissão ou um relacionamento." Guilherme Ashara, terapeuta

Nossos pais e a sociedade nos ensinam a não dar muita bola para nossas emoções, dizendo, por exemplo, “você precisa esquecer isso e seguir com sua vida em frente”, “isso não foi nada”, “você precisa aprender a controlar a sua raiva” ou conselhos semelhantes.

Então, não olhar para as emoções, tentar controlar ou sedar com drogas ou medicamentos é a pior escolha. As emoções uma hora ou outra se ‘vingam’ e destroem aquilo que tentamos construir, seja um projeto de vida, um negócio, uma profissão ou um relacionamento.

Nessa série de artigos sobre o mundo das emoções pretendo dar dicas de como curar as feridas, traumas ou cargas emocionais. Nesse momento, eu enfatizaria simplesmente que é importante que aprendamos a olhar para nossa criança emocional. Uma criança que sofreu algum choque, abuso, violência e que continua dentro de nós clamando para ser vista e acolhida.

Aguarde os próximos artigos para aprender o passo a passo de como tratar suas emoções. Garanto que sua vida vai ficar muito mais rica e preenchida quando você aprender a integrar esse tesouro que é o nosso mundo emocional.

Namastê!

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Derrota no vôlei masculino na Olimpíada revolta e gera memes na internet

tóquio 2020
08:14 | Ago. 05, 2021
Autor Júlia Duarte
Foto do autor
Júlia Duarte Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A derrota do Brasil por 3 sets a 1 para Comitê Olímpico Russo não agradou o público que esperou a madrugada desta quinta-feira, 5, para ver a seleção verde e amarela. A seleção masculina de vôlei está fora da final e disputa a medalha de bronze na Olimpíada de Tóquio 2020, depois de uma sequência de vitórias olímpicas, como na Rio 2016, em que levaram o ouro.

LEIA MAIS| Vôlei masculino: Brasil perde para Rússia e está fora da final na Olimpíada

O Brasil estava indo bem até o terceiro tempo, com jogadas agressivas de ambos os lados. A seleção brasileira abriu uma vantagem boa parte do set, chegando a 20-12. No final, a seleção do Comitê Olímpico Russo reverteu a distância e virou o jogo. O resultado foi de 26-24 para a Rússia.

Com um "apagão" dos brasileiros, o quarto set teve disputa ponto a ponto, mas os russos levaram a melhor. O placar ficou em 25-23 para o Comitê Olímpico Russo.

LEIA MAIS| "É frustrante", lamenta Bruninho após derrota do Brasil no vôlei em Tóquio

+Renan analisa "apagão" do Brasil no terceiro set da derrota para os russos no vôlei

O revés brasileiro machucou os torcedores que chegaram a comparar o jogo com o famoso 7 x 1, do Brasil x Alemanha na Copa do Mundo de 2014. Muitos internautas reclamaram também do horário do vôlei que terminou por volta das 3h da manhã. Após derrota, os torcedores discutiram se a seleção masculina teria ido à final com Bernardinho como técnico.

Confira algum das reações do público com a derrota do Brasil:

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

França aplicará 3ª dose de vacina anticovid em idosos e vulneráveis

EM SETEMBRO
08:14 | Ago. 05, 2021
Autor AFP
Tipo Notícia

A França administrará uma terceira dose da vacina anticovid-19 para as "pessoas mais velhas e mais vulneráveis", a partir de setembro - anunciou o presidente Emmanuel Macron nesta quinta-feira (5).

 

"Sim, provavelmente, será necessária uma terceira dose, não para todos de imediato, mas pelo menos para as pessoas idosas e mais vulneráveis", declarou Macron, em um vídeo publicado nas redes sociais.

 


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Parque do Cocó é tema de livro-álbum que retrata fauna e flora do local

VEJA FOTOS
08:04 | Ago. 05, 2021
Autor
Tipo Noticia

“Parque Estadual do Cocó: o sonho verde de Fortaleza” é o nome dado ao livro-álbum lançado na noite dessa quarta-feira, 4, pelo Instituto de Estudos e Pesquisas Sobre o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp). A publicação é fruto de parceria entre a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) e a Assembleia Legislativa do Ceará (AL). 

O propósito da obra é registrar toda a diversidade de fauna e da flora do Parque de Cocó, retratando um grande pedaço do patrimônio ambiental do Ceará.

LEIA MAIS | Secult anuncia plano de ação de R$ 30 milhões que inclui editais cancelados 

Governador Camilo Santana tem celular invadido e hackers tentam aplicar golpe

O ecossistema do Cocó varia de áreas com manguezais, dunas, restinga e mata de tabuleiro. O Parque faz parte do grupo da Unidade de Conservação (UC) de proteção integral. Na área, a população pode realizar atividades como trilhas ecológicas, arvorismo e passeio de barco. O Cocó também é o maior parque natural em área urbana do Norte e do Nordeste e o quarto da América Latina.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Governo solicita estudos para reter água em reservatórios no período de chuvas

ECONOMIA
07:50 | Ago. 05, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Com o agravamento da crise hídrica, o governo sinalizou preocupação com o abastecimento de energia no período de chuvas do próximo ano. Em reunião nesta quarta-feira, 4, o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) solicitou a realização de estudos sobre manter medidas para preservar mais água nos reservatórios de hidrelétricas no período úmido e a respeito das condições de atendimento eletroenergético na transição do período seco para o período de chuvas em 2021, para o fornecimento em 2022.
Em nota divulgada na noite de quarta, o Ministério de Minas e Energia (MME) informou que, durante a reunião, foi solicitada a "realização de estudos que se façam necessários relativos à permanência de flexibilizações hidráulicas nas usinas hidrelétricas Jupiá e Porto Primavera no próximo período úmido, entre os meses de dezembro de 2021 e abril de 2022". Caberá ao Operador Nacional do Sistema (ONS) e à Empresa de Pesquisa Energética (EPE) analisar as condições de atendimento eletroenérgetico na transição para o período de chuvas.
O CMSE também deliberou pela ampliação no fornecimento de energia elétrica por meio de usinas termelétricas a óleo diesel e gás natural. Segundo a pasta, o colegiado indicou a disponibilização de um terceiro navio regaseificador, no terminal de regaseificação de Pecém, no Ceará, para possibilitar o fornecimento de gás natural para usinas térmicas. Também foi discutida a autorização para a flexibilização da operação do Sistema Interligado Nacional (SIN), de modo a ampliar o intercâmbio entre os subsistemas, "para aproveitar os excedentes energéticos regionais".
As ações adicionais, segundo a pasta, visam o enfrentamento da "desafiadora conjuntura atual, com vistas a preservar os usos da água, mantendo, portanto, a governabilidade das cascatas hidráulicas, e garantir o suprimento de energia elétrica aos consumidores brasileiros".
O ONS também informou o início das ofertas de geração de energia elétrica de usinas termoelétricas sem contratos. "Dessa maneira, dá-se efetividade às diretrizes construídas com vistas ao aumento das disponibilidades energéticas do SIN, recursos que serão essenciais ao longo dos anos 2021 e 2022", diz a nota.
Em paralelo com as novas ações indicadas, o colegiado deliberou por manter as medidas que estão sendo adotadas nos últimos meses, como o despacho de geração termoelétrica independente do valor e a importação de energia elétrica da Argentina e Uruguai sem substituição, desde que respeitadas as restrições operativas, para minimizar o custo total da operação do sistema elétrico. "Tais medidas têm se mostrado fundamentais para a garantia da segurança do suprimento de energia elétrica no País no cenário atual, conforme monitoramento permanente realizado pelo CMSE."
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags