PUBLICIDADE
Futebol


Santa Cruz visita o Boa Esporte para tentar milagre na Série B

Faltando apenas quatro rodada para terminar o Campeonato Brasileiro da Série B, Santa Cruz e Boa Esporte se enfrentam em mais um jogo que pode definir o futuro das equipes para a temporada de 2018. A equipe pernambucana irá até Minas Gerais para o confronto deste sábado, as 17h30, no estádio Municipal de Varginha, e [?]

19:15 | 10/11/2017

Faltando apenas quatro rodada para terminar o Campeonato Brasileiro da Série B, Santa Cruz e Boa Esporte se enfrentam em mais um jogo que pode definir o futuro das equipes para a temporada de 2018. A equipe pernambucana irá até Minas Gerais para o confronto deste sábado, as 17h30, no estádio Municipal de Varginha, e precisa dos três pontos para ainda sonhar com a chance de continuar na Série B no ano que vem. Na décima oitava posição, o Santa está a 7 pontos do décimo sexto colocado e não pode pensar em nada além da vitória.

A situação do Santa Cruz é tão complicada que houve possibilidade do elenco fazer greve no treino da última quinta-feira, situação esta que não aconteceu. O atacante Grafite foi o porta-voz do grupo e afirmou que o grupo está unido para esta reta final de campeonato brasileiro. ?Houve uma conversa e falamos que íamos parar até que eles sanassem algumas dívidas. O representante do Sindicato veio aqui falar dos nossos direitos e deveres e como não notificamos sobre a greve, treinaremos hoje (quinta) e amanhã, viajaremos e jogaremos contra o Boa Esporte (no sábado). Vamos notificar o clube e eles terão 48 horas para tomar uma providência. Se não tomarem, a partir de segunda-feira estaremos de greve?.

O atacante também ressaltou o péssimo momento do time. ?Não vou iludir o torcedor e falar que não vamos cair, mas posso dizer que vamos lutar até o final. Podem ter certeza. Vamos até o último fio de esperança. Vai ser jogo por jogo. Não adianta falar em ganhar os quatro, se não vencer o Boa. As estatísticas não estão ao nosso favor. Em momento algum conseguimos vencer os quatro jogos. A esperança existe pela atitude que o time vem tendo. Acho que temos condições de ganhar do Boa Esporte, no sábado?, finalizou Grafite.

Já o atacante Ricardo Bueno mostrou otimismo para tentar manter na Série B em 2018, mas também ressaltou que a cobrança deve ser para todos.  ?É difícil falar para o torcedor confiar, numa situação dessa. Claro que o torcedor fica chateado, desacreditando, mas o que posso dizer para ele é que estamos trabalhando independentemente da situação do clube, que ele sabe, a imprensa sabe, todo mundo sabe. O que falo para o torcedor é que vamos buscar, seja jogando bem ou mal, com o torcedor pensando que temos um time bom ou ruim. Peço desculpa, mas as responsabilidades têm que ser divididas. E o torcedor sabe muito bem do que estou falando?

Já pelo lado do Boa Esporte, a situação também não está das melhores. O time mineiro é o primeiro na zona de rebaixamento e neste momento estaria rebaixado, junto com o Santa Cruz, para a Série C do campeonato brasileiro. Para evitar que isso aconteça, a diretoria anunciou o técnico Sidney Moraes como substituto de Nedo Xavier, que retorna a situação de coordenador.

Esta é a segunda vez que Sidney treinará o Boa Esporte. A outra vez foi quando comandou toda a campanha de 2012, logo no seu início na carreira como treinador. A missão do técnico será evitar a todo custo que a equipe mineira permaneça no Z4 e possa jogar a Série B novamente ano que vem.

 

FICHA TÉCNICA

BOA ESPORTE X SANTA CRUZ

Local: Estádio Municipal de Varginha, em Varginha (MG)

Data: 11 de novembro de 2017, sábado

Horário: 17h30 (de Brasília)

Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)

Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)

Boa Esporte Clube: Fabrício; Paulinho, Júlio Santos, Douglas Assis (Caíque) e Elivelton Lima; Escobar, Diones, Fellipe Mateus, Thaciano e Reis (Casagrande); Rodolfo

Técnico: Sidney Moraes

SANTA CRUZ: Júlio Cesar; Walber, Anderson Salles, Guilherme Mattis e Yuri; Wellington Cézar, Thiago Primão (Lucas Gomes) e João Paulo; Bruno Paulo, Ricardo Bueno e André Luís

Técnico: Marcelo Martelotte

Gazeta Esportiva

TAGS