PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Porto vence RB Leipzig e assume vice-liderança 

O Porto contou com o apoio massivo de sua torcida para vencer o RB Leipzig na tarde desta quarta-feira. A equipe portuguesa venceu os alemães por 3 a 1 e assumiu a vice-liderança do Grupo G da Liga dos Campeões. Jogando em sua casa, o estádio do Dragão, os portugueses abriram o placar ainda no [?]

18:45 | 01/11/2017

O Porto contou com o apoio massivo de sua torcida para vencer o RB Leipzig na tarde desta quarta-feira. A equipe portuguesa venceu os alemães por 3 a 1 e assumiu a vice-liderança do Grupo G da Liga dos Campeões.

Jogando em sua casa, o estádio do Dragão, os portugueses abriram o placar ainda no primeiro tempo, com o mexicano Herrera. Sem marcar desde maio, Herrera aproveitou cruzamento para anotar o tento. No segundo tempo, o RB descontou, mas rapidamente o Porto voltou a ficar na liderança com gol de Danilo Pereira. Já nos últimos minutos, Maxi Pereira deu números finais ao duelo.

Com o resultado, o Porto somou pontos importantíssimos na briga pela vaga às oitavas de final da Champions. Agora, a equipe soma seis pontos e ultrapassou o RB Leipzig, assumindo a vice-liderança do Grupo G, liderado pelo Besiktas, que empatou com o lanterna Monaco nesta quarta.

O jogo ? O Porto iniciou o duelo com maior posse de bola e propondo o jogo, enquanto o RB, fora de casa, se defendia e procurava sair no contra-ataque. Logo aos 13 minutos, os Dragões abriram o placar. Após cobrança de escanteio e confusão na pequena área, a bola sobrou limpa para o atacante Herrera finalizar de primeira: 1 a 0.

Melhor em campo, os portugueses quase ampliaram, com André André pegando rebote do goleiro adversário e chutando por cima. Quando buscava o empate, o RB até chegou a balançar as redes, mas de forma irregular. Augustin, em impedimento, deu assistência para Forsberg, que marcou. O juiz rapidamente anulou o gol.

No segundo tempo, o RB voltou com muito mais empenho e logo empatou. Sabitzer descolou lindo lançamento para Werner que, na cara do gol, chutou na saída do goleiro: 1 a 1.

O jogo ganhou emoção e o Porto imprimiu velocidade para correr atrás do resultado. Após algumas boas chances criadas, mas que falharam na finalização, o Dragão conseguiu voltar a liderar o placar. Após cobrança de falta do lateral brasileiro Alex Telles, Danilo Pereira cabeceou firme e fez o segundo dos mandantes.

O Porto se fechou e apostou no contra-ataque, sendo recompensado nos últimos minutos de jogo. O atacante Aboubakar passou a bola para o experiente Maxi Pereira, que finalizou firme e garantiu a vitória com o placar de 3 a 1.

Gazeta Esportiva

TAGS