PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Evra é afastado do Olympique de Marselha após agredir torcedor

Patrice Evra foi afastado por tempo indeterminado do Olympique de Marselha nesta sexta-feira após agredir um torcedor no gramado do estádio Afonso Henriques, que recebeu a partida entre Vitória de Guimarães e o time francês nesta quinta, pela fase de grupos da Liga Europa. Através de um comunicado oficial, o Olympique de Marselha divulgou que [?]

18:00 | 03/11/2017

Patrice Evra foi afastado por tempo indeterminado do Olympique de Marselha nesta sexta-feira após agredir um torcedor no gramado do estádio Afonso Henriques, que recebeu a partida entre Vitória de Guimarães e o time francês nesta quinta, pela fase de grupos da Liga Europa. Através de um comunicado oficial, o Olympique de Marselha divulgou que seu presidente Jacques-Henri Eyraud encontrou com o lateral-esquerdo e o convocou, inclusive, para uma coletiva com o objetivo de esclarecer os fatos.

Evra acabou se irritando na última quinta-feira após ter de aturar insultos da torcida durante boa parte do aquecimento de sua equipe no gramado. Sem se controlar, o lateral-esquerdo foi até a placa de publicidade na linha de fundo do campo e desferiu um chute no rosto de um torcedor do Olympique de Marselha que havia invadindo o gramado.

Por conta de sua atitude, Evra foi expulso antes mesmo do jogo começar. Relacionado para o banco de reservas, ele teve de acompanhar a sua equipe bem longe do campo e viu das tribunas do estádio o Vitória de Guimarães garantir a vitória por 1 a 0, graças ao gol de Paolo Hurtado.

Após três temporadas na Juventus, Patrice Evra chegou ao Olympique de Marselha no início deste ano. Ele soma 21 partidas com a camisa da equipe do sul da França. Na atual temporada o lateral-esquerdo, que vinha sendo pouco aproveitado, entrou em campo apenas nove vezes.

Confira o comunicado divulgado pelo Olympique de Marselha nesta sexta-feira:

Jacques-Henri Eyraud, presidente do Olympique de Marselha, se encontrou com Patrice Evra hoje e informou a ele seu afastamento com efeito imediato e a sua convocação para uma entrevista antes de uma possível punição disciplinar.

Além disso, os primeiros resultados da investigação interna conduzida pelo clube revelam um comportamento inaceitável por parte de um punhado de provocadores que proferiram insultos de ódio particularmente graves ao jogador e aos seus companheiros enquanto aqueciam antes de uma importante partida. Como jogador profissional e experiente, Patrice Evra não poderia ter respondido de uma maneira tão inapropriada. O clube continua em busca dos indivíduos que, embora sejam apaixonados pelo OM, põem em risco sua reputação ao invadir o campo e insultar um jogador ao invés de apoiá-lo

Gazeta Esportiva

TAGS