PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Presidente do Corinthians nega que salários do elenco estejam atrasados

O presidente Roberto de Andrade não gostou de ver a brusca queda de rendimento do Corinthians associada à hipótese de os salários do elenco estarem atrasados. Nesta sexta-feira, mesmo dia em que anunciou a renovação do contrato do técnico Fábio Carille até o final de 2019, ele assegurou publicamente que os pagamentos estão em dia. [?]

19:45 | 15/09/2017

O presidente Roberto de Andrade não gostou de ver a brusca queda de rendimento do Corinthians associada à hipótese de os salários do elenco estarem atrasados. Nesta sexta-feira, mesmo dia em que anunciou a renovação do contrato do técnico Fábio Carille até o final de 2019, ele assegurou publicamente que os pagamentos estão em dia.

?Não sei de onde tiraram isso. Aqui, está tudo bem, em ordem. E, mesmo que estivesse atrasado, ninguém deixaria de correr?, disse Roberto, admitindo apenas dívidas referentes a contratações de jogadores. ?Não existe nada atrasado. O que tem é direito econômico de um ou outro. Salários, direitos de imagem, nada.?

Escutando atentamente as palavras do presidente, que estava sentado ao seu lado, Carille abriu um sorriso para referendar o discurso. ?Já recebi. Está na minha conta?, brincou o comandante corintiano, que tem a missão de resgatar a confiabilidade do líder do Campeonato Brasileiro.

Endividado, ainda que não com os seus jogadores, o Corinthians deu suporte a Carille ao resistir a propostas e manter todos os seus titulares até o final do ano ? o atacante reserva Léo Jabá foi vendido para o Akhmat Grozny, da Rússia. Não há garantias de que será assim também para a próxima temporada.

?O ano acaba, e vocês sabem como é. Não dá para falar. Já foi difícil manter nessa janela. Vamos tentar fazer com que o time seja forte no ano que vem também?, discursou Roberto de Andrade.

Gazeta Esportiva

TAGS