PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Para espantar seca de gols, Santos treina finalizações e cruzamentos

O Santos vive um dilema na temporada. Apesar da defesa viver ótimo momento, com apenas 14 gols sofridos no Campeonato Brasileiro, o ataque santista é o quarto pior da competição, tendo marcado 19 vezes. Para resolver esse problema na frente e manter a boa fase da zaga, o técnico Levir Culpi promoveu um treino de [?]

18:00 | 04/09/2017

O Santos vive um dilema na temporada. Apesar da defesa viver ótimo momento, com apenas 14 gols sofridos no Campeonato Brasileiro, o ataque santista é o quarto pior da competição, tendo marcado 19 vezes. Para resolver esse problema na frente e manter a boa fase da zaga, o técnico Levir Culpi promoveu um treino de cruzamentos e finalizações nesta segunda-feira.

O elenco foi dividido na atividade. Inicialmente, praticamente só defensores vieram ao gramado do CT Rei Pelé. Além dos defensores, o meia Emiliano Vecchio e o volante Yan também participaram da parte do treino. Os laterais cruzavam na área e os zagueiros tentavam marcar de cabeça. Orinho foi o principal destaque.

O lateral-esquerdo de 22 anos teve ótimo aproveitamento nas bolas alçadas na área. Daniel Guedes, Matheus Ribeiro e Victor Ferraz também acertaram diversos cruzamentos. Já o titular Zeca, por sua vez, lançou apenas com a perna esquerda e errou bastante no CT.

Na sequência, foi a vez dos atacantes entrarem no campo, enquanto os defensores partiram para a academia. A atividade para os homens de frente foi de finalizações. Eles formaram uma fila, tabelaram com os companheiros e chutaram com as duas pernas. Ricardo Oliveira e Nilmar tiveram os melhores aproveitamentos.

O elenco do Alvinegro treinará em dois períodos nesta terça-feira. A próxima partida será contra o Corinthians, no domingo, às 16h, na Vila Belmiro.

Gazeta Esportiva

TAGS