PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Manchester City perde pênalti, mas supera Shakhtar na Liga dos Campeões

17:45 | 26/09/2017
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )

[FOTO1] O Manchester City manteve sua série de vitórias nesta terça-feira. O time fez 2 a 0 no Shakhtar Donetsk, em casa, pela segunda rodada do grupo F da Liga dos Campeões. Os gols de De Bruyne e Sterling garantiram o sétimo triunfo consecutivo, somando todas as competições.

Com o triunfo, o time de Pep Guardiola chegou aos seis pontos, liderando a chave de forma isolada, com 100% de aproveitamento. Os ucranianos, com três, estão empatados em segundo com o Napoli.

Na próxima rodada da Liga dos Campeões, os azuis de Manchester tentam manter a campanha perfeita na competição enfrentando o Napoli, novamente em casa. O Shakhtar, por sua vez, viaja à Holanda para pegar o Feyenoord.

O jogo – A partida começou movimentada. O City tomou a iniciativa, mas foi o Shakhtar quem quase abriu o placar, aos 11. O brasileiro Fred saiu livre na área, mas parou em excelente recuperação do compatriota Fernandinho.

O duelo seguiu agitado, com espaços para os dois lados. Aos 31, os ucranianos ameaçaram novamente, em lance no qual Ederson fez boa defesa em chute de Taison. Já no fim da primeira etapa, Sané quase fez para o time da casa, mas finalização cruzada passou perto da trave, mantendo o 0 a 0 até o intervalo.

No segundo tempo, logo de cara, os comandados de Guardiola aliviaram a pressão e fizeram o gol. Aos 3, De Bruyne tabelou com David Silva e arrematou com precisão, sem chances para o goleiro Pyatov: 1 a 0.

Mesmo em vantagem, os ingleses tentaram definir a vitória. Aos 10, Aguero parou no arqueiro rival, após belo passe de David Silva. O City seguiu em cima até que, aos 26, teve pênalti a seu favor. Na cobrança, porém, Aguero parou em Pyatov.

A defesa de seu goleiro deu mais moral aos visitantes, que voltaram a sonhar com o empate. Aos 31, Taison exigiu intervenção de Ederson, que trabalhou com segurança. Nos minutos finais, o time de Donetsk não conseguiu pressionar, e os donos da casa aproveitaram.

Em rápido contra-ataque, Bernardo Silva saiu livre pela direita, invadiu a área e só rolou para Sterling, que havia substituído Gabriel Jesus. O inglês teve o trabalho de empurrar e definir o placar final: 2 a 0 City.

Napoli vence fácil e se recupera

Após estrear com derrota, o Napoli se recuperou na Liga dos Campeões. Sem dificuldades, a equipe fez 3 a 1 no Feyenoord, jogando em casa, no estádio San Paolo. Os gols foram de Insigne, Mertens e Callejón. Amrabat fez para os visitantes.

Logo aos 7 da primeira etapa, já saiu o primeiro tento, dando tranquilidade aos mandantes. Já na segunda etapa, a rede balançou mais duas vezes e o triunfo se concretizou com facilidade. Já nos acréscimos, Amrabat descontou, mas não foi suficiente.

Com a vitória, os italianos foram a três pontos, se juntando ao Shakhtar em segundo. O Feyenoord, zerado, está na lanterna. Na próxima rodada, o Napoli pega o City, fora de casa, enquanto os holandeses recebem os ucranianos.


Gazeta Esportiva

TAGS