PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Braz sonha com Santos conquistando a Libertadores de forma invicta

Conquistar a Libertadores já não é uma coisa fácil, afinal, o Santos ficou com a taça apenas três vezes em 105 anos de vida. E querer levantar o caneco de forma invicta é muita pretensão? Não para o Peixe! Nesta edição do torneio continental, o alvinegro é a única equipe que ainda não foi derrotada. [?]

01:15 | 15/09/2017

Conquistar a Libertadores já não é uma coisa fácil, afinal, o Santos ficou com a taça apenas três vezes em 105 anos de vida. E querer levantar o caneco de forma invicta é muita pretensão? Não para o Peixe!

Nesta edição do torneio continental, o alvinegro é a única equipe que ainda não foi derrotada. E se depender do zagueiro David Braz, a invencibilidade seguirá até o final da Liberta.

?Continuamos com a invencibilidade na competição, é muito legal ter acontecido isso. Nosso grupo deseja chegar à conquista do título de forma invicta?, explicou o defensor ao site oficial do clube.

E na última quarta-feira, no Equador, os santistas deram um grande passo para seguirem adiante no torneio continental. Enfrentando pressão e estádio lotado, o Peixe arrancou um empate em 1 a 1 com o Barcelona de Guaiaquil, no confronto de ida das quartas de final.

Com o resultado, o Santos avança para a semifinal com um simples empate em 0 a 0 na partida de volta, que acontece na próxima quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), na Vila Belmiro.

?A nossa postura foi muito boa. É muito difícil jogar em Guaiaquil. Botafogo e Palmeiras perderam para o Barcelona. Nós fomos muito felizes, fizemos um gol que nos deu tranquilidade. Foi um bom resultado sim e isso vai nos ajudar na Vila Belmiro. Ainda faltam 90 minutos e esse empate só vai valer a pena fazendo nosso dever dentro de casa. A Vila lotada tem que fazer a diferença como sempre fez ao longo da Libertadores. A torcida do Barcelona fez uma linda festa. Mas agora é a nossa vez no Alçapão. Nossa torcida sabe fazer muito bem isso e a gente gosta. Lutaremos para levar o Santos FC no seu objetivo com eles (torcedores) lá fora apoiando e nós dentro de campo dando o nosso máximo?, concluiu Braz.

Gazeta Esportiva

TAGS