PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Gabriel se surpreende e festeja por evitar suspensão há dez rodadas

Criticado por sua truculência no início da trajetória como corintiano, o volante Gabriel virou exemplo de bom comportamento no time dirigido por Fábio Carille. Ele passou as últimas dez rodadas do Campeonato Brasileiro pendurado com dois cartões amarelos e, até agora, conseguiu evitar a suspensão. ?Isso é positivo. Nem sabia que era tanto tempo assim?, [?]

14:49 | 21/08/2017

Criticado por sua truculência no início da trajetória como corintiano, o volante Gabriel virou exemplo de bom comportamento no time dirigido por Fábio Carille. Ele passou as últimas dez rodadas do Campeonato Brasileiro pendurado com dois cartões amarelos e, até agora, conseguiu evitar a suspensão.

?Isso é positivo. Nem sabia que era tanto tempo assim?, admitiu Gabriel, na manhã desta segunda-feira. ?Fico feliz. Não é porque não estou levando cartão que não estou correndo e ajudando a equipe. Procuro estar sempre bem posicionado para fazer menos faltas?, acrescentou.

Gabriel passou incólume contra Vitória, Sport, Atlético-MG, Flamengo, Fluminense, Avaí, Atlético-PR, Palmeiras, Ponte Preta e Botafogo. Antes dessa série, o volante havia sido expulso na vitória por 3 a 0 sobre o Bahia, em 22 de junho, em Itaquera.

No primeiro semestre, Gabriel recebeu cobranças por cometer algumas faltas duras, o que daria mais espaço ao seu reserva imediato, Paulo Roberto. Uma expulsão, no entanto, foi injusta. Justamente no clássico contra o Palmeiras, o volante titular do Corinthians foi confundido pelo árbitro Thiago Duarte Peixoto com o parceiro Maycon e revoltou-se com o cartão vermelho mostrado no final do primeiro tempo.

Hoje, Gabriel já não se confunde mais com ele mesmo, antes constantemente exposto a suspensões. ?Vou manter isso. Sei que pode acontecer de tomar um cartão, o que é normal, porque todo o mundo toma, mas terei tranquilidade para continuar assim. São méritos meus e da comissão técnica, que me dá todo o apoio para trabalhar?, agradeceu o volante.

O jogo limpo é bastante valorizado pelo técnico Fábio Carille, uma das heranças do mentor Tite. Recentemente, o Corinthians fez história diante do Sport ao terminar a partida com menos faltas cometidas do que gols marcados ? foram só duas na vitória por 3 a 1 de 5 de agosto, em Itaquera.

Gazeta Esportiva

TAGS