PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Experiente em clássicos, Fabrício projeta Atletiba brigado na Arena

O clássico entre Atlético Paranaense e Coritiba acontecerá apenas no próximo dia 10 de setembro, pelo Campeonato Brasileiro, mas o Furacão treina a todo vapor de olho na partida que representa muito para as duas equipes em termos de classificação e motivação para a sequência da competição. O lateral Fabrício, experiente, sabe que esse jogo [?]

22:45 | 30/08/2017

O clássico entre Atlético Paranaense e Coritiba acontecerá apenas no próximo dia 10 de setembro, pelo Campeonato Brasileiro, mas o Furacão treina a todo vapor de olho na partida que representa muito para as duas equipes em termos de classificação e motivação para a sequência da competição. O lateral Fabrício, experiente, sabe que esse jogo pode mudar tudo para qualquer um dos lados e projeta uma partida muito brigada na Arena da Baixada.

?Jogar um clássico é sentir aquela ansiedade boa antes de sair para o jogo. É brigar por todas as jogadas e ficar concentrado em todos os detalhes, pois são neles que a equipe pode sair vencedora?, afirmou o jogador, que não quer ficar de fora da disputa. ?Clássico é importante e todos os jogadores gostam de jogar. O Atletiba sempre foi um dos maiores e estou bem focado para poder fazer um grande jogo, caso seja escolhido para ser titular?, emendou.

O lateral já viveu outros momentos semelhantes na carreira, especialmente quando defendia o Internacional, e relembrou uma dessas passagens marcantes. ?Já fiz alguns gols em jogos assim e isso dá confiança a qualquer jogador. O que mais me marcou foi em um Grenal, em 2012, quando pude marcar um dos gols do título da Taça Farroupilha?, contou.

Fabricio acredita que, desta vez, um trunfo importante que precisa ser bem utilizado é o fator casa, com o torcedor empurrando a equipe entro da Arena da Baixada rumo à vitória. ?Temos feito bons jogos e vamos buscar a força do nosso estádio e do nosso torcedor. Temos mais um bom período de treinos e pretendemos finalizar a nossa preparação da melhor maneira possível?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS