PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Cássio comenta volta por cima e celebra retorno à Seleção Brasileira

Ainda enquanto a bola rolava em um dos campos do CT Joaquim Grava, nesta quinta-feira, Cássio e Fagner foram convocados para os próximos dois desafios da Seleção Brasileira. Lembrado pela primeira vez por Tite, o goleiro não conseguiu esconder o sorriso após a atividade e contou como recebeu a notícia. ?Não, na verdade foi o [?]

15:45 | 10/08/2017

Ainda enquanto a bola rolava em um dos campos do CT Joaquim Grava, nesta quinta-feira, Cássio e Fagner foram convocados para os próximos dois desafios da Seleção Brasileira. Lembrado pela primeira vez por Tite, o goleiro não conseguiu esconder o sorriso após a atividade e contou como recebeu a notícia.

?Não, na verdade foi o Mauro [observador técnico] que deu [a notícia]. Ele falou: ?Gigante, [você] está dentro, foi convocado?. A gente fica feliz, lógico. Não posso esconder que criei uma expectativa de poder ser convocado. Lógico também que se não acontecesse, não era uma coisa que ia atrapalhar meu dia a dia, meu trabalho. Fiquei muito feliz com a convocação. Eu e o Fagner aqui do Corinthians, todos os jogadores ficaram muito felizes?, revelou.

Durante a coletiva, o arqueiro afirmou ter tido uma conversa com a família no final do ano passado, e confirmou que ela foi crucial para ele superar a má fase, recuperar a titularidade e voltar a ter boas atuações vestindo a camisa alvinegra.

?Acho que quando a gente cai, tem que levantar rapidamente. Fazer uma autocrítica do que você tem que melhorar, o que você tem que deixar de lado, qual o seu objetivo. Desde o final do ano passado, eu conversei muito com a minha família, minha esposa sobre o que a gente almejava e qual eram nossos objetivos. Eu fui feliz nas minhas escolhas, abri mão de algumas coisas que não me ajudavam em nada, e acho que meu crescimento foi nítido. Acho que meu foco também?, disse.

A última convocação de Cássio havia sido em outubro de 2015, quando o Brasil ainda era comandado por Dunga. Ao lado do lateral, o goleiro não desfalcará o Corinthians, uma vez que o Campeonato Brasileiro será interrompido. Os corintianos defendem as cores brasileiras contra Equador, no dia 31 de agosto, em Porto Alegre, e Colômbia, em 5 de setembro, em Barranquilla.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS