PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Carille admite preocupação com excessivos levantamentos na área

O técnico Fábio Carille está preocupado com a falta de criatividade do Corinthians para se desvencilhar da forte marcação imposta por equipes que figuram na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Após perder por 1 a 0 para o Vitória, o líder voltou a Itaquera e acabou surpreendido pelo mesmo placar pelo lanterna, o Atlético-GO, [?]

23:15 | 26/08/2017

O técnico Fábio Carille está preocupado com a falta de criatividade do Corinthians para se desvencilhar da forte marcação imposta por equipes que figuram na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Após perder por 1 a 0 para o Vitória, o líder voltou a Itaquera e acabou surpreendido pelo mesmo placar pelo lanterna, o Atlético-GO, neste sábado.

Nas duas ocasiões, o Corinthians abusou dos levantamentos na área, na tentativa de furar o bloqueio defensivo dos adversários. Carille orienta os seus jogadores a priorizarem as triangulações. ?Hoje, até criamos. Contra o Vitória, sim, os cruzamentos foram um pouco desnecessários. Foram uns 40. Mostrei para eles os lances em que deveríamos ter triangulado. Precisamos de paciência para fazer as melhores escolhas no terço final do campo?, comentou.

Ao escutar que, diante do Atlético-GO, o Corinthians havia feito ainda mais cruzamentos (53), o técnico admitiu a sua preocupação. ?Vou analisar melhor na segunda-feira para saber quando tínhamos melhores opções para as jogadas. No primeiro tempo, o Atlético-GO deu a oportunidade para finalizarmos bastante de fora da área também. Não sei se foi o melhor caminho?, ponderou.

Ainda assim, foi pelo alto que o Corinthians se aproximou do empate com o Atlético-GO. ?Tivemos duas chances claras de gol assim?, contabilizou Carille, que viu os atacantes Kazim e Clayson desperdiçarem diante do goleiro Marcos. ?Não é questão de desespero. Sabíamos que o jogo era pelos lados. Quando é assim, você acaba cruzando mais bolas mesmo?, minimizou outra vez.

Seja como for, o Corinthians ficou bem abaixo do rendimento daquele time oportunista do primeiro turno. Nas próximas rodadas ? o líder só voltará a campo em 10 de setembro (contra o Santos, na Vila Belmiro), já que o Brasileiro será paralisado para a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo ?, Fábio Carille espera resgatar a criatividade ofensiva dos seus homens de frente.

?Sou muito ciente de que não vamos repetir o primeiro turno. É um campeonato muito difícil. O segundo colocado (Grêmio), de seis pontos, fez um. Desses seis que perdemos (refere-se às derrotas para Vitória e Atlético-GO), deveríamos ter conquistado três no mínimo?, afirmou Fábio Carille. ?Precisaremos estar mais concentrados para produzir mais dentro de casa. A ideia de jogo continua a mesma, de linhas organizadas e compactação?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS