PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Beto da Silva revela que lesão o afetou psicologicamente

Peruano foi titular contra o Atlético-PR

20:45 | 21/08/2017

A lesão do atacante peruano Beto da Silva prejudicou não apenas o atleta fisicamente, mas também psicologicamente. Foi isto que o próprio jogador revelou à Rádio Capital, do Peru, em uma entrevista nesta segunda-feira. Diante do Atlético-PR, no domingo, o atleta realizou a segunda partida pelo Grêmio. O jogador contou que o técnico Renato Portaluppi sempre foi bastante atencioso e perguntou como Beto estava psicologicamente.

â??O treinador sempre fala comigo. Ele tem muito contato com os jogadores. Quando ele me convocou para este último jogo, ele me perguntou se eu estava na cabeça. Era o que o preocupava mais porque ele sabia que fisicamente eu estava apto. Ele me colocou como um nove mais centralizado. Ele me colocou lá porque era meu primeiro jogo há muito tempo e o ideal não era eu ficar cansado indo e voltandoâ?, disse.

Sem ter sido convocado pela Seleção Peruana, o atacante falou que mantêm com o comando técnico e revelou que a Seleção enviou um fisioterapeuta para ajudá-lo na recuperação. â??Sempre estive em contato com o comando técnico da Seleção. Eles estão interessados â??â??em saber como eu sou. Até trouxeram um fisioterapeuta aqui para o Brasil que me ajudou muito no meu processo de recuperação. Eu sabia que não tinha muitas chances de ser chamado, mas sempre há uma pequena esperança, é normalâ?, contou.

Esta foi a lesão mais grave que Beto da Silva já sofreu durante a carreira. Ele acredita que este pode ter sido o motivo de ter se abalado psicologicamente. â??Foi muito complicado. Essa foi a única lesão forte que tive. Como resultado disso, perdi a confiança nas pernas. Pensei que, a qualquer momento, eu poderia quebrar. O treinador queria que eu perdesse o medo de me machucar novamente e é por isso que fiz um trabalho separado, para superar esse medo e estar bem na cabeçaâ?, revelou.

Gazeta Esportiva

TAGS