PUBLICIDADE
Divirta-se

MasterChef: Paola Carosella nega ajuda a finalista e acusa internautas de machismo

Jurada retrucou comentários no Twitter após a escolha dos finalistas desta edição do Masterchef Brasil

21:28 | 25/07/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
Jurada do Masterchef Brasil, Paola Carosella respondeu a comentários negativos no Twitter e acusou: "quem de fato levou ele para o mezanino exercendo favoritismo e falta de seriedade fui eu (mulher) por que estou com vontade de dar para ele", reclamando do machismo contido nos comentários. Nessa terça-feira, 24, os finalistas do reality show foram escolhidos.
  
Maria Antônia e Hugo, considerado pelo internautas ser o "queridinho" de Paolla, disputam o prêmio de R$ 200 mil, uma bolsa de estudo na escola de gastronomia Le Cordon Bleu, em Paris e um carro, além de outros benefícios como viagem para a Itália e utensílios e cozinha.
  
A polêmica começou na primeira prova do reality dessa terça, que definiu o primeiro finalista. Nela, os candidatos deveriam reproduzir a receita de Pablo Oazen, vencedor da edição anterior. Hugo conseguiu se sobressair numa disputa tensa e passou para a final.
[VIDEO1] 
De forma unânime, Hugo foi aprovado para a final. Na prova posterior, que colocou em lados opostos Eliane e Maria Antonia, uma internauta acusou Paolla de "dar a receita" para a futura finalista.

Foi o suficiente para uma enxurrada de comentários negativos no Twitter, com acusações de que Paolla teria deliberadamente beneficiado Hugo.
 
[FOTO2] 
 
Sobre a acusação na segunda prova, Paolla chamou de "paranoia" dos críticos e disse que ajuda é para "todos" os participantes do Masterchef.
 
[VIDEO2]  
 
Redação O POVO Online
TAGS