Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

The Masked Singer Brasil: veja entrevista com Alexandre Borges

Cantando desde "Anunciação", de Alceu Valença, à "O Vira", de Secos & Molhados, o ator Alexandre Borges conta que ficou muito animado com a experiência
17:34 | Set. 15, 2021
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Mais um mistério revelado no "The Masked Singer Brasil": a Onça Pintada é o ator Alexandre Borges, o Jacques Eclair de "Ti Ti Ti". Cantando desde "Anunciação", de Alceu Valença, à "O Vira", de Secos & Molhados, o artista conta que ficou muito animado com a experiência.

“Eu fiquei muito feliz com o convite e com a confiança. O programa já é consagrado internacionalmente e foi uma aventura muito grande. A parte do mistério de fazer as aulas de voz e coreografia mascarado foi incrível! Para mim, abriu a possibilidade de me aventurar mais pelo lado do canto,” revela Alexandre.

"The Masked Singer Brasil" é uma coprodução TV Globo e Endemol Shine Brasil e tem supervisão artística de Adriano Ricco e direção artística de Marcelo Amiky. Com apresentação de Ivete Sangalo e Camilla de Lucas nos bastidores, o reality vai ao ar às terças-feiras na TV Globo, após Império, e também é exibido no Multishow, às quartas-feiras. Leia entrevista.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

- Conta um pouco da experiência de participar do "The Masked Singer Brasil"?
Alexandre Borges: Eu fiquei muito feliz com o convite e com a confiança. O programa já é consagrado internacionalmente e foi uma aventura muito grande. A parte do mistério, de fazer as aulas de voz e de coreografia mascarado foi incrível! Para mim, abriu a possibilidade de me aventurar mais pelo lado do canto. Fiquei muito feliz com o carinho do público com a Onça Pintada, esse personagem tão brasileiro, uma fantasia linda. Vou continuar acompanhando o programa e arriscando os palpites.

- Como foi vestir a fantasia pela primeira vez?
Alexandre Borges: Foi emocionante! Ela causa muito impacto, eu achei muito bonita e de bom gosto. Facilitou o lado mais corporal do personagem. Os figurinistas, Fábio Namatame e Marco Lima, são meus amigos do teatro de muitos anos. Eles não sabiam que era eu e foi muito engraçado.

- Como é ver todo mundo e não ser visto?
Alexandre Borges: É muito louco e engraçado. Eu usava luva, capuz... às vezes as pessoas começavam a falar e eu não podia responder.

- Como foi ser desmascarado e ver a reação do público? O Edu acertou o palpite, né?
Alexandre Borges: Foi muito legal ter alguns palpites com o meu nome. Mas também falaram alguns outros nomes que fiquei muito feliz, como o Paulo Ricardo, um baita cantor. Achei muito bacana mesmo.

- Como foi a reação dos seus amigos quando te viram na TV?
Alexandre Borges: Loucura! Meu Instagram bombou e recebi muitas mensagens da família e dos amigos. Esse personagem cativou bastante o público.

- E entrando no bolão, tem suspeita de quem sejam os outros participantes?
Alexandre Borges: Eu me concentrei muito nas pessoas que cantavam no meu grupo, tenho alguns palpites. No começo eu achava que o Girassol era a Ana Carolina, mas agora acho que a Sandra de Sá é um ótimo palpite.

Comunicação Globo

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar