PUBLICIDADE
Brasil
CORRESPONDÊNCIAS

Correios acabam com serviço e-Sedex

O fim do e-Sedex já havia sido anunciado em novembro de 2016, mas na época uma decisão judicial impediu o órgão de encerrar o serviço

21:01 | 16/06/2017

Correios encerram serviço nesta segunda-feira, 19 (Foto: Gustavo Soares de Almeida/Divulgação)

Os Correios encerraram a entrega de correspondências na modalidade e-Sedex, versão mais econômica, em todo o Brasil. Conforme o site e-Commerce Brasil, o órgão enviou um comunicado para todas as suas agências para que o serviço fosse descontinuado a partir da próxima segunda-feira, 19.


O fim do e-Sedex já havia sido anunciado em novembro de 2016. Entretanto, uma ação movida pela Associação Brasileira de Franquias Postais (Abrapost) impediu judicialmente que os Correios encerrassem o serviço. Na época, o órgão alegou que era uma forma de conter a crise econômica e reduzir custos internos de operação.


Abaixo o comunicado dos Correios para os clientes:

“Prezado cliente,

Em virtude da aprovação da nova Política Comercial pelo Conselho de Administração dos Correios, informamos que o serviço e-SEDEX será descontinuado a partir de 19/06/2017. Portanto, todas as postagens deverão ser realizadas nos códigos de SEDEX ou PAC ativos no contrato.

Acrescentamos que as pré-listas de postagem (PLP) e e-tickets (autorizações de postagem para logística reversa) geradas e não utilizadas até o dia 18/06/2017 terão os códigos de e-SEDEX substituídos pelo código SEDEX. Caso não seja do seu interesse a postagem com SEDEX, será necessário gerar nova PLP ou autorização de postagem com código de serviço PAC.


Para mais informações, entre em contato com seu representante comercial.”