PUBLICIDADE
Notícias

Dois jovens são presos acusados de estuprar duas funcionárias públicas

As mulheres foram abusadas por quatro horas seguidas. "Durante o ato ele pedia que eu não olhasse para seu rosto", disse uma das vítimas

11:43 | 24/04/2012

A Polícia prendeu na tarde desta segunda-feira, 23, os dois acusados de estuprar duas funcionárias públicas no município de Jaguaribe. O crime aconteceu no último domingo, 22.

Segundo o titular da delegacia de Icó, delegado Antônio Gonçalves, as mulheres foram submetidas a exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), de Juazeiro do Norte. Manuel Bonfim Carolino, 18, e Rafael Pereira de Souza, 21, nas respectivas residências.

Eles foram encaminhados para o presídio de Icó, após o exame ter apresentado resultado positivo para o estupro.

De acordo com informações do delegado Antônio Gonçalves, as vítimas, duas mulheres de 30 e 33 anos de idade, são funcionárias públicas.

Uma das mulheres conversou com O POVO Online, e explicou que estavam em uma motocicleta em busca de um bar, quando os dois homens em outra motocicleta teriam saído do matagal e abordaram as duas. “Eu pensava que eles queriam a moto, e falei que eles podiam levar, mas eles disseram que queriam a gente. Então um deles puxou minha amiga pelos cabelos”, disse a vítima.

Os acusados levaram as duas mulheres para o sítio Palmares e entraram em um matagal. Lá elas foram abusadas por quatro horas seguidas. “Durante o ato ele pedia que eu não olhasse para seu rosto”, informou.

“O homem que estava com minha amiga saiu com ela em direção à cidade, mas ela pulou da moto e começou a gritar”, disse. Os gritos chamaram atenção da população, que cercou o rapaz e fez ameaças para que o mesmo informasse o paradeiro outra vítima. Após uma ligação, ela foi solta e conduziu a motocicleta até a cidade.

Jéssika Sisnando
[email protected]

TAGS