Participamos do

MPF investiga áudio sobre emenda

01:30 | Set. 12, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O pedido de investigação do deputado federal Cabo Sabino (PR) sobre áudio que tenta ligar a imagem do parlamentar a supostas irregularidades na aprovação de uma emenda segue sendo analisado pelo núcleo criminal do Ministério Público
Federal no Ceará.


Na gravação, uma conversa entre dois homens faz referência ao dinheiro de uma emenda. “Antônio José, a emenda tava empenhada, quem lhe trouxe os R$ 300 mil da emenda do Cabo Sabino, quem foi?”, afirma uma das falas. “Você combinou 10% do deputado e 5% meu, eu quero meu dinheiro”, cobrou outra.


O “Antônio José” seria supostamente o filho do presidente da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Zezinho Albuquerque, que tem o mesmo nome.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em nota, o diretório estadual PP, presidido pelo filho de Zezinho, diz que “a voz presente no áudio é a de outra pessoa, sendo injusta qualquer divulgação envolvendo o presidente estadual do PP no conteúdo gravado”.


Após a repercussão da gravação, Sabino afirmou por nota que tomou conhecimento do conteúdo dos áudios ainda em maio de 2017, quando encaminhou o material ao MPF pedindo investigação do caso.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente