VidaeArte

Conheça as novidades de janeiro do Belas Artes à La Carte

Com "O hotel às margens do rio" e "Sonho de uma noite de verão", 12 produções estreiam no catálogo de janeiro do streaming Belas Artes à La Carte

08:16 | 28/12/2020

O Belas Artes à La Carte adiciona uma dúzia de produções durante janeiro em seu catálogo. Com estreias semanais, sempre às quintas-feiras, o streaming traz filmes internacionais de países como França, Turquia, Coréia do Sul e Reino Unido.

Um dos destaques é “Sonho de uma noite de verão” (1968), adaptação da peça homônima de William Shakespeare, que será lançada a partir de 28 de janeiro. Dirigido por Peter Hall, o longa-metragem mostra as aventuras de quatro jovens amantes e um grupo de atores amadores em uma floresta. No elenco, estão Derek Godfrey, Barbara Jefford e Nicholas Selby.

Leia também | Confira o que chega ao catálogo da Netflix em janeiro

Outra obra que chega na mesma data é “O hotel às margens do rio” (2018), do cineasta sul-coreano Hong Sang-Soo. O enredo acompanha a trajetória de duas pessoas que se conectam após se hospedarem em um mesmo hotel. No local, um idoso poeta se hospeda porque está convencido de que enfrenta os últimos dias de sua vida. Já uma jovem mulher procura estadia depois de descobrir que era traída pelo homem com quem se relacionava.

https://www.youtube.com/embed/M7kyXQSX0mg

O ano, entretanto, começa com quatro títulos na primeira quinta-feira do mês, 7 de janeiro. São eles: “Psicosíssimo” (1961), “Charada” (1963), “Dalida” (2016) e “As Quatro Irmãs”. Este último, dirigido por George Cukor, é baseado no livro “Mulherzinhas”, escrito por Louisa May Alcott. A narrativa mostra quatro irmãs, Meg, Beth, Jo e Amy, que precisam crescer por meio do apoio mútuo durante a Guerra Civil Americana. O pai delas está na guerra, enquanto a mãe trabalha por longos períodos para manter a família.

Leia também | "Farewell Amor" estreia na plataforma Mubi; confira crítica

Alguns dos filmes que serão adicionados em 21 de janeiro são “As Oito Vítimas” (1949), “Quanto mais frio melhor” (1960) e “Dois homens contra uma cidade” (1973). Haverá também uma obra lançada mais recente, em 2018, “A árvore dos frutos selvagens”. Dirigido por Nuri Bilge Ceylan, o longa da Turquia segue a vida de Sinan, um jovem apaixonado por literatura. Seu sonho é se tornar um grande escritor, mas tem que juntar dinheiro para investir na primeira publicação. Quando ele retorna ao vilarejo em que nasceu, porém, deverá lidar com uma dívida deixada pelo seu pai.

https://www.youtube.com/embed/CtX-g4rzFqI

A partir de 15 de janeiro, o Belas Artes à La Carte transmite o festival “My French Film Festival”. Durante um mês, o evento divulga os destaques mais recentes do cinema em língua francesa. Entre curtas e longas, 30 produções foram escolhidas para a 11ª edição. Gêneros diversos, como comédia, romance, drama, animação e documentários, estarão presentes. A programação, entretanto, será revelada somente no dia 5 de janeiro.

Leia também | Festival do Telecine disponibiliza obras de diretoras pioneiras no cinema

Lista completa

7 de janeiro
Psicosíssimo
Charada
Dalida
As quatro irmãs

15 de janeiro
My French Film Festival

21 de janeiro
As oito vítimas
Quanto mais frio melhor
A árvore dos frutos selvagens
Dois homens contra uma cidade

28 de janeiro
O hotel às margens do rio
Sonho de uma noite de verão
Uma cama para três
Cavadoras de Ouro