Espetáculo musical que homenageia Odair José chega a Fortaleza
PUBLICIDADE
Shows e Espetaculos


Espetáculo musical que homenageia Odair José chega a Fortaleza

03/09/2018 11:21:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Aos 70 anos, Odair José, de ídolo brega - estilo que discorda enfaticamente - tem sido alavancado como artista "cult" pelas novas gerações com uma mesma fórmula cantada e celebrada desde a década de 1970: amores, desamores e todo um universo que traz à tona os mais marginalizados da sociedade. "O Terror das Empregadas", "o Bob Dylan da Central do Brasil" são alguns apelidos dados ao cantor e compositor goiano no decorrer de sua carreira.

Para o diretor baiano Sérgio Maggio, a lembrança de Odair José perpassa por uma memória, sobretudo, afetiva. "Odair me lembra muito a infância, porque, quando minha mãe saía, eu ficava muito na companhia das empregadas domésticas. Elas colocavam o radinho de pilha e me impactavam muito as canções dele porque era um momento em que elas ficavam agitadas, batiam palma e tudo!", relembra. Sérgio, autor de Conversas de Cafetina (Prêmio Jabuti, 2010), alinhavou as histórias e ambientações contidas no livro ao processo de elaboração de Eu Vou Tirar Você Deste Lugar - As Canções de Odair José.

O musical, em circulação via Programa Petrobras Distribuidora de Cultura desde 2014, desembarca em Fortaleza para três apresentações no Cineteatro São Luiz: sábado, 14, às 14h30min (sessão gratuita direcionada a estudantes, idosos e portadores de necessidades especiais) e 19 horas; e domingo, 15, às 19 horas. Em cena, o público não ficará a par da trajetória do compositor de Cadê você? e Uma Vida Só (Pare de tomar a pílula). Segundo Sérgio, a narrativa - ficcional e em formato de comédia - enaltece os personagens cantados por ele.

"Odair José é aquela pessoa que, na década de 1970, cantou para as prostitutas, colocou os marginalizados numa posição de destaque. Então, quando pensei em montar esse espetáculo, não pensei duas vezes. O musical é em cima do repertório dele, até porque ele, como compositor, é também um grande cronista. É uma ficção, mas as músicas, de certa forma, são autobiográficas", explicou o diretor, que utiliza-se de uma banda ao vivo com a presença de três músicos: Guilherme Gê (teclados), Zé Krishna (guitarra) e André Togni (bateria).

De um cancioneiro que contempla cerca de 400 músicas, Sérgio Maggi chegou à marca de 20 composições que contextualizam uma história que, ambientada em São Paulo, tem seu início em 1923 e segue até 1973, auge da ditadura militar. Em cena, a história de um jovem que sai do seio familiar para tentar a vida de artista. "Fiz um longo estudo, separei as músicas por categorias e cheguei a umas 50 canções. Dessas, parti para o roteiro com canções que tivessem um diálogo dramático com a cena. Elas (canções) são completamente orgânicas e, por esse motivo, chamei o Odair para ser o supervisor musical do espetáculo", destacou.

Jones Schneider, Luiz Filipe Ferreira, Camila Guerra, Gabriela Corrêa, Rodrigo Mármore, Tainá Baldez e Renato Milan integram o grupo Criaturas Alaranjadas Núcleo de Criação Continuada. A presença de Watusi (primeira brasileira e negra a estrelar no mítico Moulin Rouge, em Paris) abrilhanta o musical, vinda a convite do diretor em substituição à Maria Alcina. "Ele (Sérgio) é maluco, é doido! (risos) Quando me convidou, disse que não tinha nada a ver comigo porque sou cantora, e não atriz. Mas como sou geminiana, vi que seria mais uma etapa na minha vida. Deu tudo certo. Estou junto com uma garotada de Brasília que é muito legal, de grandes atores e estar no meio deles me deixa muito feliz", afirmou ela, que dá vida à personagem China.

 

Musical Eu Vou Tirar Você Deste Lugar - As Canções de Odair José

Quando: sexta, 14, às 14h30min (sessão gratuita para estudantes, idosos e portadores de necessidades especiais) e 19 horas; e sábado, 15, às 19 horas.

Em todas as sessões, haverá intérprete de Libras

Onde: Cineteatro São Luiz (rua Major Facundo, 500 / Praça do Ferreira - Centro)

Quanto: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação: 12 anos

Duração: 90 minutos

Informações: (85) 3252 4138 

 

Painel de debate "Yes, Nós Temos Musical Brasileiro"

Quando: sexta-feira, 14, logo após a sessão

 

Oficina "Dramaturgia para Musicais Brasileiros", com Sérgio Maggio

Quando: sábado, 15, das 9h às 12 horas e das 13h às 16 horas

Onde: Cineteatro São Luiz

Público-alvo: intérpretes, diretores, dramaturgos, jornalistas e amantes do teatro

Inscrição: pelo e-mail oficina.criaturas@gmail.com

 

 

Teresa Monteiro

TAGS