PUBLICIDADE
Shows e Espetáculos
Festa

Academia da Berlinda e outras atrações revivem o espírito carnavalesco no Dragão do Mar

Além da banda pernambucana, o "Baile Iracemado" recebe o som dos cearenses DuBaile e o bloco Pra Quem Gosta É Bom

09:24 | 13/09/2018
A banda Academia da Berlinda esteve em Fortaleza no início de 2018, participando do "Pré-nambuco". Foto: Divulgação

O espírito da folia ainda pulsa por Fortaleza, mesmo tantos meses depois do Carnaval. A festa, que ficou na lembrança do mês de fevereiro, ecoa pelas ruas da Cidade. Não é raro andar, em qualquer período do ano, pelas ruas do Centro, Praia de Iracema ou nas diversas casas de shows da Capital e ouvir um Chão da Praça na interpretação do Luxo da Aldeia ou a bateria de samba do Unidos das Cachorras.

Neste sábado, faltando 170 dias para o Carnaval de 2019, as roupas coloridas e os glitters saem dos guarda-roupas, voltam para as ruas e enfeitam quem já não aguenta mais esperar para colocar o bloco na rua. A Praça Verde do Dragão do Mar recebe, a partir das 20 horas, a primeira edição do Baile Iracemado, projeto que pretende entrar no calendário de festas da Cidade, trazendo, anualmente, atrações musicais que revivem o espírito carnavalesco fora de época.

"O que posso garantir é que serão cinco horas de fogo na pista que vai deixar muita gente saudosa, ansiosa pela próxima edição", antecipa Denis Nunes, proprietário do Moto Libre e organizador do evento. O bar, que hoje fica na avenida Monsenhor Tabosa, também vai celebrar seus três anos de existência durante o Baile Iracemado, colocando em prática um projeto que começou no início do ano, com a festa Pré-nambuco, e que se consolida neste dia 15. "A ideia é tratar esses dois eventos de formas fixas, com uma periodicidade anual", explica Denis.

A banda DuBaile foi um dos principais destaques do Ciclo Carnavalesco de Fortaleza em 2018. Foto: Divulgação

A programação musical desta primeira edição do evento recebe, entre os cearenses, o bloco Pra Quem Gosta É Bom, que estreou no circuito carnavalesco em 2018, e a banda Dubaile, que já se apresenta sempre no último sábado do mês no Moto Libre. A principal atração são os pernambucanos de Academia da Berlinda, que estiveram em Fortaleza no começo do ano, participando da Pré-nambuco.

"É sempre bom receber essa energia de Fortaleza, e queremos, cada vez mais, diminuir o período de um show para o outro", conta Yuri Rabid, baixista e vocalista da banda olindense. "Estreitamos os laços com a Cidade, temos uma forte identificação com o circuito independente, e pelo visto, a cidade gosta das bandas de Pernambuco!".

O grupo, que nasceu em 2004 em festa no quintal de uma casa de Olinda, reuniu mais de 2 mil pessoas da última vez em que esteve em Fortaleza, no primeiro semestre. Neste sábado, eles retornam para Capital trazendo o repertório dos discos Academia da Berlinda, Olindance e Nada Sem Ela, com os ritmos inspirados nos clubes de Carnaval pernambucanos da década de 1970. "Não faltarão as músicas Fui Humilhado, Dorival e Cumbia da Praia", promete Yuri.

 

Formado por um grupo de amigos, o bloco Pra Quem Gosta É Bom estreou neste ano no Carnaval de Fortaleza. Foto: Divulgação

O baixista e vocalista antecipa ainda que o grupo vem trabalhando em novas músicas para um disco ainda sem data para ser lançado, mas com expectativa para o primeiro semestre de 2019. "Não queremos estipular prazo", explica, "iremos dar uma boa maturada antes de lançar e ainda dar uma circulada pelo Brasil". O último álbum lançado pela Academia da Berlinda foi Nada Sem Ela, em 2016.

Além das atrações musicais, o evento também recebe uma feira criativa com opções de gastronomia e bebidas artesanais. Os ingressos estão no terceiro lote, com valores de que vão de R$ 55 (meia) a R$ 110 (inteira) com meia solidária na doação de 1 kg de alimento não perecível. As vendas acontecem através do site sympla.com/baileiracemado.

 

Baile Iracemado

Quando: sábado, 15, a partir das 20 horas

Local: Praça Verde do Dragão do Mar (rua Dragão do Mar, 81)

Quanto: R$ 55 (meia ou ingresso solidário na doação de 1 kg de alimento) e R$ 110 (inteira)

IURY FIGUEIREDO