PUBLICIDADE
Exposicoes e cursos

I Anima Ceará discute o cenário de animação no Brasil

Ao longo de quatro dias de programação, mesas, debates, workshops, exibições e homenagens traçam um panorama da animação no Ceará e no Brasil

23/05/2018 18:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]
Pela primeira vez, o Ceará terá um evento exclusivamente voltado para o mercado da animação. De 23 a 26 de maio, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, será realizado o I Anima Ceará – Festival Nordestino de Cinema de Animação, Games e Web. A mostra pretende realizar um verdadeiro tour no universo artístico da animação. Toda a programação é gratuita.
 
Logo na abertura do evento, estreará o filme Blwarh, um curta de animação do cearense Levi Magalhães em homenagem ao arquiteto e cineasta cearense José Rodrigues Neto, um dos pioneiros da linguagem da animação no Estado, de quem será exibido o curta Evoluz (1986). Em seguida, terá início a Mostra Brasileira Competitiva de Curtas-Metragens de Animação com a exibição de 24 filmes que foram selecionados nacionalmente para exibição durante o festival.

As animações da mostra competitiva concorrerão ao troféu Anima Ceará nas categorias: Melhor Curta-metragem, Melhor Roteiro, Melhor Trilha Sonora e Melhor Produção na região CONNE (Centro-Oeste, Norte e Nordeste). O vencedor dessa última categoria levará um prêmio no valor de R$ 5 mil. Dentre os escolhidos para competição está o curta-metragem Aviãozinho, que narra à fábula de um jovem plebeu que decide trabalhar para os nobres e, a partir disso, tem vários problemas. A animação, que foi produzida em Juazeiro do Norte e no Rio de Janeiro, é resultado da parceria entre o escritor Antônio Júnior, diretor do curta, e os animadores cearenses Joseph Olegário e Carlene Cavalcante.
 
Outro concorrente ao troféu Anima Ceará é a produção RISE. O curta é dirigido pelo publicitário Jannerson Xavier e tem a “jornada humana” como tema. Segundo o diretor, o diferencial dessa animação é que ela não tem personagens. “Na hora que surgiu esse projeto de curta-metragem autoral sem personagens, foi um casamento perfeito. Percebemos que poderíamos usar obras arquitetônicas como metáfora de quem as criou: nós, a raça humana”.
 
Além das exibições, o I Anima Ceará tem seu espaço reservado para discussões sobre o mercado de animação. São mesas-redondas, palestras, workshops e conversas sobre o amadurecimento da produção de animação nas plataformas digitais. Durante os encontros, que contarão com profissionais de várias partes do Brasil, o mercado dos games será um dos temas das mesas-redondas. Este encontro terá como participante Jonas Brandão, do Split Studio, de São Paulo. Ele assina como diretor mais de 400 games e 20 comerciais publicitários em animação, entre os quais, From love to Bingo, vencedor de dois Leões no Festival de Publicidade de Cannes. 
 
Segundo o diretor da Casa Amarela Eusélio Oliveira, Wolney Oliveira, o festival é uma comemoração aos 25 anos do Núcleo de Cinema de Animação (Nuca), fundado em 1986 em parceria com a National Film Board, do Canadá. Para Wolney, a produção cearense de animação tem crescido e a prova disso seriam os recentes editais para produção de audiovisual realizados pela Secretaria de Cultura do Estado, a TV O POVO e outras entidades que tiveram animações dente os finalistas.
 
[FOTO2]Apesar de ter tradicionalmente uma produção voltada para animação, o Ceará ainda solidifica seus passos nesse mercado. É o que aponta a roteirista Mariana Medina da produtora Tusche. “O mercado da animação é tradicional no Estado, mas precisa de incentivo público para sobreviver. Os novos editais, que deram apoio a essa área, foram essenciais para manter o mercado vivo”, ressalta.
 
O I Anima Ceará – Festival Nordestino de Cinema de Animação, Games e Web é uma promoção da Universidade Federal do Ceará (UFC), por meio do Núcleo de Cinema de Animação da Casa Amarela. De acordo com os realizadores do evento, são esperadas mais de duas mil pessoas nos quatro dias de festival.
 
Serviço
I Anima Ceará – Festival Nordestino de Cinema de Animação, Games e Web 
Quando: de 23 a 26 de maio. Abertura na terça, 23, ás 19h30min 
Onde: Centro Dragão do Mar (rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema) 
Aberto ao público 
Telefone: 3366 7771 

Ingrid Thais

TAGS