PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Carnaval 2020: confira resultado da apuração dos desfiles da Domingos Olímpio

Na categoria Escolas de Samba, o grande campeão foi o grupo Unidos do Acaracuzinho, com 174 pontos.

27/02/2020 22:58:18
Apuração do desfile das agremiações carnavalescas de 2020. Ginásio Paulo Sarasate.
Apuração do desfile das agremiações carnavalescas de 2020. Ginásio Paulo Sarasate. (Foto: BEATRIZ BOBLITZ)

A Prefeitura de Fortaleza e Associação Cultural das Entidades Carnavalescas do Estado do Ceará (Acecce) realizaram na tarde dessa quinta-feira, 27, no Ginásio Paulo Sarasate, a apuração dos desfiles das agremiações carnavalescas de 2020.

Na categoria Escolas de Samba ficou em primeiro lugar o grupo Unidos do Acaracuzinho, com 174 pontos. Já o segundo ficou com Tradição da Bela Vista, com 170 pontos. Em terceiro ficou Imperadores da Parquelândia, com 69 pontos.

Na categoria Blocos ficou em primeiro lugar o grupo Balakubaku Folia, com 114 pontos. Em segundo Turma do Mamão, também com 114 pontos, e Amigos do Zé, com 111 pontos. Já na categoria Cordão ficou em primeiro lugar As Bruxas, com 116 pontos; em segundo Vampiro da Princesa, com 112 pontos; e em terceiro Princesa no Frevo, com 101 pontos.

Quanto aos Afoxés, o primeiro lugar foi concedido ao Omorisá Odé, que acumulou 158 pontos, em segundo Filhos de Oyá, com 157 e em terceiro Obá Sá Rewá com 155 pontos. Na categoria Maracatu, a votação foi dividida levando em consideração o dia do desfile. No sábado, o primeiro colocado foi o Nação Iracema, com 116 pontos, seguido pelo Rei Zumbi, com 111, e em terceiro o grupo Obalomi, com 106 pontos.

Dentre os grupos que desfilaram no domingo, o primeiro lugar foi concedido ao Rei de Paus, que acumularam 117 pontos, seguidos do grupo Vozes da África, também com 117 pontos. Em terceiro lugar, a Nação Baobad, com 114 pontos. Na categoria dos sujos, Kleber Santana Ramos, conhecido como Homem Caju, foi o grande vencedor, conquistando mais uma vez o título e recebendo a premiação de R$ 1 mil.

Gilvan Paiva, secretário de cultura de Fortaleza (Secultfor), avalia o evento como sendo de impulsionamento econômico para rede hoteleiras, lojas de acessórios, indumentária e comércio da cidade como um todo. “As pessoas sempre olham a festa pela festa, mas o Carnaval tem se revelado um grande instrumento de desenvolvimento, na medida em que ele fomenta e tem impacto econômico. Cada agremiação tem toda uma dinâmica ao longo do ano, é um esforço grande que acaba beneficiando diretamente e indiretamente", diz.

Confira fotos da apuração:

Clique na imagem para abrir a galeria

 

Gilvan conta que o recurso em edital para blocos, afoxés, maracatus e escolas de samba saiu mais cedo este ano. “Isso criou melhores condições para que o desfile ocorresse. Esse ano a gente conseguiu antecipar a meta de transferência”, diz.

Apesar disso, Maurício Ribeiro Duarte, presidente do Cordão As Bruxas, avalia como sendo um ano de muita dificuldade financeira. “Todo ano surgem dificuldades, mas tudo que é feito com dificuldade e é alcançado o objetivo é mais gostoso”, afirma.

Maurício conta que mesmo com os problemas o grupo não poderia deixar de se apresentar no ano em que completa 50 anos. "Nós estamos completando 50 anos e não podíamos deixar de oferecer à cidade de Fortaleza um espetáculo arrepiante", diz.

Os quesitos de avaliação

Para os grupos de Maracatus os critérios avaliados foram: Porta Estandarte, Rainha, Balaieiro, Loa, Batuque, Fantasia; para Escolas de Samba os quesitos avaliados foram: Comissão de Frente, Abra Alas, Alegorias e Adereços, Mestre Sala e Porta Bandeira, Harmonia, Evolução, Fantasia, Samba Enredo, Bateria e Enredo.

Quanto aos Blocos e Cordões, os critérios foram: Baliza, Porta Estandarte, Abre Alas, Letra e Música, Bateria e Orquestra, Fantasia; por fim, para os Afoxés, os quesitos foram: Porta Estandarte, Orixá Patrono ou Patronesse, Harmonia, Tema, Batuque, Fantasia e Ala das Baianas, Música ou Orin/Oró.

Entre blocos, afoxés, escolas de samba e os maracatus que desfilaram no domingo, os prêmios para os vencedores são de R$ 5,5 mil, R$ 4,5 mil e R$ 3,5 mil, respectivamente para o primeiro, segundo e terceiro lugar.

Na categoria Cordões são premiados apenas o primeiro e segundo lugar, com R$ 5,5 mil e R$ 4,5 mil, respectivamente. Para os cordões, a premiação é de R$ 5,5 mil e R$ 4,5 mil para 1º e 2º lugares. Quanto aos maracatus que se apresentaram no sábado, o primeiro colocado ganha o direito de desfilar e competir no grupo principal, no domingo do Carnaval do próximo ano.

Confira fotos dos desfiles:

Clique na imagem para abrir a galeria

 

Confira os resultados:

Categoria Cordão

1º lugar: As Bruxas (116 pontos)
2º lugar: Vampiro da Princesa (112 pontos)
3º lugar: Princesa no Frevo (101 pontos)

Categoria Blocos

1º lugar: Balakubaku Folia (114 pontos)
2º lugar: Turma do Mamão (114 pontos)
3º lugar: Amigos do Zé (111 pontos)

Categoria Escolas de Samba

1º lugar: Unidos do Acaracuzinho (174 pontos)
2º lugar: Tradição da Bela Vista (170 pontos)
3º lugar: Imperadores da Parquelândia (169 pontos)

Categoria Maracatus (Sábado)

1º lugar: Nação Iracema (116 pontos)
2º lugar: Rei Zumbi (111 pontos)
3º lugar: Obalomi (106 pontos)

Categoria Maracatus (Domingo)

1º lugar: Rei de Paus (117 pontos)
2º lugar: Vozes da África (117 pontos)
3º lugar: Nação Baobab (114 pontos)

Categoria Afoxés

1º lugar: Omorisá Odé (158 pontos)
2º lugar: Filhos de Oyá (157 pontos)
3º lugar: Obá Sá Rewá (155 pontos)

Com informações da repórter Luana Façanha