PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Chuva não atrapalha Pré-Carnaval infantil em Messejana

Ao som de marchinhas e outros ritmos carnavalescos com o grupo Ciranda Alegria, as crianças aproveitam a festa para cantar, dançar e correr na chuva

26/01/2020 10:56:04
A atração Ciranda Alegria anima o Bloco Sivozinha Folia até 12h
A atração Ciranda Alegria anima o Bloco Sivozinha Folia até 12h (Foto: Samuel Pimentel/Especial para O POVO)

Mesmo com a chuva e os fortes ventos registrados na manhã deste domingo em Fortaleza, o Pré-Carnaval na cidade não parou. Na Casa José de Alencar (CJA), no bairro Messejana, o Bloco Sivozinha Folia comanda a festa das crianças que estão no local. Ao som de marchinhas e outros ritmos carnavalescos com o grupo Ciranda Alegria, as crianças aproveitam a festa para cantar, dançar e correr na chuva.

Além da festa, também está acontecendo na Casa de José de Alencar (CJA) uma ação social com objetivo de arrecadar leite em pó para orfanatos de Fortaleza. Ao todo, 11 instituições serão beneficiadas. De acordo com a Cristina Santoro, 67, da ONG Grupo Cristão Mãos de Luz, a meta é conseguir 150 kg de leite até o dia 28 de fevereiro, data que encerra as doações. Ainda segundo Cristina, a ONG trabalha com "caravanas" durante o ano. "De dois em dois meses a gente faz uma caravana. A gente faz a caravana do Hospital do Câncer, com cestas básicas. A gente tem a caravana dos presidiários para juntar livros e fazer a biblioteca. Nós temos também a caravana do sertão, que é no final do ano, que a gente leva pra Canindé, Quixadá, Quixeramobim. Nós levamos cestas básicas grandes. E, agora, é a caravana da Criança Feliz, que vai levar leite para as instituições, para os orfanatos", explica. 

A programação na Casa de José de Alencar (CJA) deve continuar nos próximos domingos (2, 9 e 16 de fevereiro). 

Benfica

No Benfica o cenário é um pouco diferente. Ambulantes que estão no local demonstraram-se desapontados com a quantidade de pessoas no Pré-Carnaval. Pedro Silva, que foi até a festa para ajudar a mãe a vender bebidas, acredita que a chuva atrapalhou, mas aposta no fator "ressaca". "Daqui pra umas 17h vai enchendo".

O Trio Aquarela, voltado para o público infantil, iniciou a manhã do segundo dia Ciclo Carnavalesco 2020. Na sequência, quem sobe ao palco é o bloco Hospício Cultural. 

Horto Florestal Municipal Falconete Fialho

Outro polo infantil do Ciclo Carnavalesco 2020 é o Horto Floresta Municipal Falconete Fialho, no bairro Passaré. A festa foi comandada pelo Grupo Banda do Pirulito e, apesar de estar prevista para acabar às 12h, a apresentação encerrou às 11h, devido às chuvas. Mesmo com o fim do show, as crianças permaneceram brincando no parquinho. Alguns pais relataram certa insatisfação dos pequenos com o encerramento antecipado do show, mas entenderam a atitude como motivo de segurança por causa da intensidade da chuva.