PUBLICIDADE
Vida & Arte
Noticia

Rita Lee completa 73 anos e agradece carinho de fãs nas redes sociais: "Amor e gratidão"

Ícone do rock brasileiro, artista curte aposentadoria dos palcos com o marido, Roberto de Carvalho, mas deve lançar single em breve

16:48 | 31/12/2020
Rita Lee (Foto: Reprodução/Instagram)
Rita Lee (Foto: Reprodução/Instagram)

Rita Lee Jones comemora 73 anos nesta quinta-feira, 31 de dezembro de 2020. Uma das cantoras mais celebradas e reconhecidas do Brasil, a diva do rock nacional está atualmente afastada dos palcos, mas se diverte com a nova etapa da vida.

Entre publicações de livros e planos para o futuro, a multiartista segue atuante nas redes sociais e na companhia do marido e parceiro em diversas composições, Roberto de Carvalho.

Nas redes sociais, Rita respondeu às congratulações de amigos e fãs pelo aniversário. "Agradeço o carinho que recebo de todos vocês. Eu o transformo em Luz e lhes mando de volta na forma do meu Amor e Gratidão", publicou. Na legenda da publicação, a irreverência de sempre, usual aos anos icônicos de sua produção: "Fuck 2020!".

Além disso, mais cedo, publicou montagem animada com uma dancinha, em comemoração à data. Assista abaixo.

Apesar do retorno aos shows musicais estarem descartados no momento, tudo indica que um novo single de Rita, em parceria com Roberto e produzida pelo DJ Gui Boratto, deverá ser lançado em 2021. Em entrevista à revista GQ, Borato deu os primeiros detalhes da obra: "É demais, não é muito louca, nem muito careta, não tem cara de remix, de techno...".

Ao longo de mais de 50 anos de carreira, Rita Lee acumula dezenas de discos lançados e cerca de 55 milhões de álbuns vendidos. Uma das artistas mais bem sucedidas da música brasileira, ela foi indicada pela revista Rolling Stone, em outubro de 2008, como a 15ª maior artista da Música Brasileira.

Nos últimos anos, Rita tem se dedicado à escrita de livros, entre eles: os infantis, Storynhas (2013) e Amiga Ursa - Uma história triste, mas com final feliz (2019); a ficção Dropz (2017); e as autobiografias Rita Lee: uma autobiografia (2016) e FavoRita (2018).