PUBLICIDADE
Noticia

Semana Clarice: O POVO lança e-book com cartas dedicadas à escritora

O lançamento do livro "Cartas para Clarice" finaliza a programação da semana promovida pelo O POVO para comemorar o centenário de Clarice Lispector

10:00 | 11/12/2020
 CLARICE escrevia cartas com frequência (Foto: Acervo Clarice Lispector / Instituto Moreira Salles)
 CLARICE escrevia cartas com frequência (Foto: Acervo Clarice Lispector / Instituto Moreira Salles)

“O que você, você individualmente, faria de especial se não houvesse ruindade do mundo? A ausência dela seria o ideal para todos os homens do mundo. Para um só não bastaria”. Na carta escrita por Clarice Lispector para o então marido Maury Gurgel Valente, em janeiro de 1941, a autora faz questionamentos sobre a própria vida. Esse registro, enviado ainda no início do relacionamento entre os dois, demonstra uma escritora que extrapolava as reflexões dos livros para também colocá-las em correspondências.

Com as constantes mudanças e viagens causadas pelo emprego de diplomata de Maury, descobriu essa forma de comunicação como uma alternativa viável para manter contato com familiares e amigos do Brasil. Em homenagem aos seus textos íntimos que se tornaram tão conhecidos, O POVO publica o e-book “Cartas para Clarice” nesta sexta-feira, 11 de dezembro.

O livro digital, disponibilizado na plataforma de assinantes OP+, conta com organização da editora-chefe do Núcleo de Cultura e Entretenimento do O POVO, Cinthia Medeiros, e edição da jornalista do O POVO, Regina Ribeiro. As ilustrações são do artista visual Carlus Campos, da equipe de design do O POVO. O conteúdo, entretanto, não está disponível para download no site.

Leia também | Clarice Lispector: a singularidade de uma poética

Nas páginas, doze pessoas dedicam seus textos para uma destinatária: Clarice. São convidados que, de alguma forma, tiveram suas trajetórias ligadas à da escritora. É o exemplo da assistente social e produtora cultural, Alana Morais. Natural de Juazeiro do Norte, criou o “Chá com Clarice” e a “Biblioteca Clariceana” com o objetivo de compartilhar suas inquietações de leitora.

Há, também, a artista visual Bia Soares e seu pai, o engenheiro e atual diretor da Fundação Cearense Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), Jorge Soares. Este presenteou a filha com “Uma Aprendizagem ou O Livro dos Prazeres” em seu aniversário de 15 anos. Na construção de uma cumplicidade familiar, Clarice Lispector é um dos infinitos elos que conectam Bia e Jorge.

Leia também | Clarices: vídeo-performance inspirado nos textos de Lispector

A escritora, que completou seu centenário nesta quinta-feira, 10, continua a cruzar a vida de seus leitores - que apenas crescem em alcance. Crianças, adolescentes e adultos imergem em suas histórias e são conquistados pela palavra da mulher que provoca tantas sensações. Em “Cartas para Clarice”, há apenas um universo restrito de seu impacto.

Outros nomes que dedicam textos à escritora são: Álvaro Leite; Bitu Cassundé; Isabel Costa; Izabel Gurgel; Maria Vitória; Miguel Leocádio; Nara Barreto; Rita de Cássia; Sávio Alencar; e Vera Lúcia A. de Moraes. Ainda há artigos de Fernanda Coutinho, professora de Letras da Universidade Federal do Ceará – UFC, e de Romildo Biar, doutorando no Programa de Pós-Graduação em Letras: Literatura Comparada na UFC. O texto de abertura é do jornalista Henrique Araújo, do O POVO.

Leia também | Leituras de Clarice

Desde a última segunda-feira, 7, a plataforma O POVO+ celebra o centenário de nascimento da escritora Clarice Lispector com o projeto “Semana Clarice”. Conteúdos em diversos formatos e linguagens homenageiam a autora. No OP+, os assinantes podem conferir reportagem especial sobre a literatura de Clarice Lispector e entrevistas com especialistas em sua obra no Brasil e no Exterior. O especial inclui ainda vídeo da performance teatral "Clarices", interpretada pela atriz Maria Vitória, e também leituras de trechos de livros gravadas por de admiradores de Clarice.

Cartas para Clarice

Quando: sexta-feira, 11 de dezembro
Onde: na plataforma de assinantes O POVO+