PUBLICIDADE
Noticia

Semana Clarice: O POVO promove live no dia do aniversário da autora

A transmissão ao vivo acontece na quinta-feira, 10 de dezembro, a partir das 18 horas, nas redes sociais do O POVO e do canal FDR

00:00 | 10/12/2020
Live 'Visões de Clarice', promovida pelo O POVO, acontece nesta quinta-feira, 10, para comemorar o centenário de Clarice Lispector (Foto: Acervo Clarice Lispector/ Divulgação)
Live 'Visões de Clarice', promovida pelo O POVO, acontece nesta quinta-feira, 10, para comemorar o centenário de Clarice Lispector (Foto: Acervo Clarice Lispector/ Divulgação)

Há um século, Clarice Lispector - ainda sob o nome Haia - nascia em uma pequena aldeia na Ucrânia. Naquele 10 de dezembro, a cidade de Chechelnyk se tornou o berço de um dos nomes mais importantes da literatura brasileira. A escritora chegou ao Brasil na infância e traçou sua carreira como autora. Foi reconhecida desde o início da profissão e, após décadas, também foi aclamada. Em suas dezenas de obras, demonstra uma escrita de sensações, que até hoje é discutida entre apreciadores e estudiosos. Para homenageá-la, O POVO realiza a live “Visões de Clarice” nesta quinta-feira, 10, às 18 horas.

O evento ocorre em vários lugares simultaneamente, como nas redes sociais do O POVO e do Canal FDR, além da plataforma de assinantes OP+. Com mediação da jornalista e repórter do Vida&Arte, Bruna Forte, a iniciativa terá os convidados: Fernanda Coutinho, professora do Departamento de Literatura da Universidade Federal do Ceará (UFC); Yuri Brunello, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFC; e Gabriel Marques Cavalcante, estudante de Medicina da UFC.

Leia também | Clarice Lispector: a singularidade de uma poética

Na data, Fernanda Coutinho introduz o livro “Visões de Clarice: ensaios, entrevistas, leituras”, que organizou em parceria com Sávio Alencar. A obra, incentivada por edital da UFC, consta no repositório da universidade. “Durante minha intervenção, vou colocar o livro em perspectiva, como uma homenagem à Clarice Lispector. O livro aponta a presença da escritora no século XXI. Apesar de quatro décadas desde sua morte, ela consegue figurar como uma escritora deste século”, comenta.

Ainda sem previsão para o lançamento do formato físico por causa da pandemia do coronavírus, o volume reúne as visões de pesquisadores de diversos locais do mundo. “O que significa a leitura de Clarice? É interessante a gente pensar que ela tem uma legião de leitores muito dedicados, apaixonados, envoltos pelos textos que nos deixou”, afirma.

Leia também | Semana Clarice: atriz Maria Vitória faz performance inspirada na escritora

A própria Fernanda Coutinho é uma apreciadora afetuosa. Quando era jovem, teve seu primeiro contato com o universo "clariciano" a partir dos contos de “Laços de Família” (1960). Depois de adentrar pela primeira vez em suas palavras, encantou-se também por outros títulos. “Para mim, a obra dela não é fechada, um lugar estático. De vez em quando, as pessoas se sentem convidadas naturalmente a trazê-la de volta. Você lê uma parte, lembra-se de uma determinada situação, encontra-se em uma situação existencial, e, de alguma maneira, tem um vínculo com alguns personagens. Retomar essa leitura é algo dinâmico”, indica.

Além da presença da professora, a live também trará as perspectivas de Yuri Brunello, que produziu, ao lado da doutoranda Amanda Moura, a entrevista “Clarice é simbólica, introspectiva, apesar da aparente simplicidade”, presente no livro, com a pesquisadora Amina di Munno. O terceiro convidado da transmissão é o estudante Gabriel Marques Cavalcante, um fã da autora, que abordará sua visão como admirador da obra.

A "Semana Clarice", promovida pelo grupo de comunicação O POVO, tem o objetivo de comemorar o centenário da escritora Clarice Lispector. Até sexta-feira, 11, atividades estão sendo promovidas em diversos espaços.

Leia também | "Semana Clarice" celebra 100 anos da escritora brasileira; confira programação

O vídeo “Leituras de Clarice” reúne pessoas para lerem trechos das obras da autora. Alguns dos nomes que participam são Fabiano Piúba, secretário da cultura do Estado do Ceará; a artista visual Raisa Christina; a jornalista e escritora Natércia Rocha; e a coordenadora de Política de Livro e Leitura da Secult-CE. O conteúdo será divulgado nesta quarta-feira, 9, nas redes sociais e também estará disponível na íntegra na plataforma de assinantes OP+.

Para finalizar a programação, haverá o lançamento do e-book "Cartas para Clarice" na sexta-feira, 11. A publicação digital, organizada por Cinthia Medeiros, editora-chefe do Núcleo de Cultura e Entretenimento do O POVO, trará doze textos assinados por nomes como a jornalista Izabel Gurgel; o artista visual Bitu Cassundé; a escritora juazeirense Alana Morais, idealizadora do evento Chá com Clarice; o médico Álvaro Madeiro Leite; e a mediadora de leituras Nara Barreto.

Live “Visões de Clarice Lispector”

Quando: quinta-feira, 10 de dezembro, às 18 horas
Onde: nas redes sociais do O POVO, nas redes sociais do Canal FDR e na plataforma de assinantes OP+

Semana Clarice

Quarta-feira, 9
Leituras de Clarice
Onde: nas redes sociais do O POVO; vídeo na íntegra no O POVO+

Sexta-feira, 11
Lançamento do e-book “Cartas para Clarice”
Onde: O POVO+