PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Festival Maloca Dragão não será realizado em 2019

Segundo o Instituto Dragão do Mar, a programação foi cancelada em razão das reformas que acontecerão no equipamento. Evento está confirmado para abril de 2020

20/08/2019 11:25:25
Festival Maloca Dragão em 2018
Festival Maloca Dragão em 2018 (Foto: Luiz Alves/Divulgação)

Atualizada às 13h46min do dia 20 de agosto de 2019

A sexta edição do festival Maloca Dragão não acontecerá em 2019. De acordo com o Instituto Dragão do Mar, o festival deste ano foi cancelado em razão de reformas necessárias no Centro.  De início, o evento, que acontece tradicionalmente no mês de abril, foi adiado para o segundo semestre do ano e, agora, teve o cancelamento confirmado. Já as reformas do Centro estavam previstas para agosto de 2019, mas ainda não começaram e uma nova data permanece indefinida. Após iniciadas, obras devem durar pelo menos 8 meses.

“Não tem como realizar uma Maloca com o estado físico do Centro atualmente, seria um desvio de propósito. É necessário reformar o Centro e ter atenção aos espaços que precisam de manutenção para realizar o festival no próximo ano”, justifica a superintendente do Dragão do Mar Natasha Faria. De acordo com ela, o festival retorna no final de abril de 2020. No entanto, conforme previsão de duração de obras, se a reforma começar no início de setembro, deve se concluir em maio do próximo ano.

Em 2018, Maloca Dragão levou mais de 150 atrações distribuídas em quatro dias, incluindo shows de Gilberto Gil, Letrux, Francisco El Hombre e Selvagens à Procura de Lei, que gravou DVD no Poço da Draga. Festival está confirmado para abril de 2020, conforme Instituto.

As obras

Em operação há 20 anos, o Centro Dragão do Mar passará por uma "completa reforma" nos próximos meses. De acordo com informações do Instituto Dragão do Mar, que faz a gestão do equipamento, a restauração virá por etapas e não deve inviabilizar o funcionamento do Centro. De início, as obras devem atender ao Museu da Cultura Cearense (MCC) e o Museu de Arte Contemporânea (MAC), a passarela, a Multigaleria, o Anfiteatro, os banheiros externos e o Planetário, além de pintura externa de todo o complexo. Orçamento será de aproximadamente R$ 6,8 milhões.

Você também pode gostar: