PUBLICIDADE
CARNAVAL

Pela primeira vez, Imperadores da Parquelândia é a vencedora das escolas de sambas de Fortaleza

A categoria dos Maracatus de sábado teve a Nação Fortaleza como vencedora. Já no desfile de domingo o maracatu Vozes da África levou a melhor

07/03/2019 22:37:00
Imperadores da Parquelândia
Imperadores da Parquelândia

A apuração do resultado do desfile das escolas de samba de Fortaleza ocorreu nesta quinta-feira, 7, no ginásio Paulo Sarasate. O grande prêmio da noite foi dado aos Imperadores da Parquelândia, com 197 pontos, desbancando a preferida Unidos do Acaracuzinho. Esta ocupou a segunda posição, com 187 pontos, seguida pela Girassol de Iracema, que conseguiu 182 pontos. O evento é promovido pela Secretaria de Cultura da Capital e ocorre todo ano na avenida Domingos Olímpio. 

O carnavalesco da escola campeã, Carlos Alves, revela que, após oito meses de ofício, já imaginava o resultado positivo. “Nós trabalhamos para isso: se você trabalha a coisa acontece”, diz.

A categoria dos Maracatus de sábado, 2, teve a Nação Fortaleza como vencedora. A Rei Zumbi ocupou o segundo lugar e a Kizomba o terceiro. Já no desfile de domingo, 3, o maracatu Vozes da África levou a melhor. Em seguida, a Nação Baobab e a Nação Pici, respectivamente.

A diferença de julgamento diz respeito ao resultado do ano anterior: no domingo, tradicionalmente desfilam as maiores agremiações da categoria. Todo ano, o Maracatu vencedor do sábado tem a oportunidade de desfilar no domingo. O último colocado do domingo, volta a desfilar no sábado.

Já no Cordão, o pódio ficou da seguinte forma: Vampiros da Princesa em primeiro lugar, Princesa do Frevo em segundo e As Bruxas em terceiro.

A premiação de Blocos, por sua vez, deu o troféu à Turma do Mamão. O Doido é Tu ficou em segundo lugar e o Balakubaku Folia ficou em terceiro.

Na categoria de Afoxés, o Obá Sá Rewá foi o campeão, seguido pelo Filhos de Oyá e pelo Omorisá Odé, nessa ordem.

Com patrocínio oficial da Skol, a festa homenageou Tia Simoa, figura histórica na luta pela liberdade do povo negro no Estado, e Arnaud Silvério, fomentador cultural e um dos fundadores da Associação Cultural das Entidades Carnavalescas do Estado do Ceará (Acecce).

Premiação

Os prêmios para os vencedores são de R$ 5 mil, R$ 4 mil e R$ 3 mil para 1º, 2º e 3º lugares, respectivamente, entre Blocos, Afoxés, Escolas de Samba e os Maracatus que desfilam no domingo. Para os Cordões, a premiação é de R$ 5 mil e R$ 4 mil para 1º e 2º lugares.

Para o primeiro colocado do grupo de Maracatus que desfilam no sábado a premiação é um troféu, a oportunidade de desfilar e competir no domingo no Carnaval do ano seguinte, além do prêmio de R$ 3 mil.

Redação O POVO Online