PUBLICIDADE
OPOVO TECNOLOGIA
NOTÍCIA

Equipe híbrida. O que é? E como isso pode salvar uma empresa?

Youfy desenvolve colaboradores virtuais - robôs personalizados para atividades pré-determinadas - a fim de somar esforço ao trabalhador convencional.

07:00 | 02/07/2021
Edmundo Gomes, CCO da Youfy (Foto: Divulgação)
Edmundo Gomes, CCO da Youfy (Foto: Divulgação)

As empresas no Globo, independentemente do porte, segmento e localização, nunca imaginaram passar por uma situação como a pandemia. Perda de receita, de clientes, de mercado global, demissões, pausa na produção e déficit no fluxo de caixa foram apenas alguns dos inúmeros problemas que a pandemia acarretou e que atualmente preocupam os empresários, COO’s e CFO’s ao redor do mundo.

Sabendo que a perda de receita, aumentos dos custos em geral, assim como a queda na demanda em decorrência da situação econômica do país são situações que dificilmente tem como se recuperar, as empresas brasileiras estão cada vez mais preocupadas em encontrar uma maneira de se reinventar. Existem empresas, por exemplo, que tiveram uma perda em seu faturamento de 30% a 60% nos últimos 18 meses, uma situação bastante difícil de se reverter.

No entanto, nada é impossível para o otimismo da classe econômica do nosso país. Em decorrência da pandemia, muitas lições foram aprendidas e paradigmas foram superados. “É necessário pensar positivo visando a retomada da economia e em tudo que está poderá trazer de volta para os negócios, ou seja, aumento de receita, redução de custos, eficiência operacional, protagonismo empresarial, redução de tempo gasto na execução dos processos e tecnologia de ponta”, afirma Edmundo Gomes - chief commercial officer Youfy

Para isso, é necessário se pensar em como as empresas têm um custo muito alto na gestão do seu “backoffice”. São gastos com processos (contábil, financeiro, fiscal, faturamento, folha de pagamentos, gestão de benefícios, conciliação bancária, fluxo de caixa, controles internos, reembolso de despesas, administração de contratos, manutenção de cadastro, controle de processos judiciais, etc.) e, principalmente, com a manutenção da máquina operacional para continuar funcionando com eficiência.

Tendo isso em vista, a Youfy traz como solução desses problemas uma ferramenta inovadora: um colaborador virtual. Trata-se de um robô desenvolvido de maneira personalizada, que pode executar atividades 24 horas por dia e 7 dias por semana e que é totalmente flexível aos processos da sua empresa. Ainda de acordo com Edmundo Gomes, os impactos positivos ao incorporar essa tecnologia de ponta em seu negócio logo são observados em todos esses custos.

A automação traz consigo o potencial de melhorar a qualidade, a velocidade e a flexibilidade do trabalho de forma dramática — e é aí que residem algumas das oportunidades mais interessantes dos serviços Youfy. Você já teve a curiosidade de quantificar os custos anuais dos seus processos de “backoffice”? Já pensou em analisar a produtividade (diária, semanal, quinzenal ou mensal) dos profissionais que trabalham em sua empresa ao realizarem processos repetitivos, cansativos e monótonos?

Pense no tempo que podem ganhar e nas possibilidades de erros que podem diminuir na execução das suas atividades ao poder contar com um robô no time de colaboradores da sua empresa. A eficiência de um profissional pode ser máxima ao ser alocado em atividades que realmente agregam valor e que tenham talento, vocação e gosto para executar. Deixe que atividades robóticas sejam realizadas apenas por robôs e observe como seu negócio pode crescer absurdamente com uma equipe híbrida.

TAGS