PUBLICIDADE
Tecnologia
NOTÍCIA

Conferência de jogos nos Estados Unidos é adiada devido ao coronavírus

Game Developers Conference aconteceria entre 16 e 20 de março na Califórnia

Bemfica de Oliva
08:58 | 03/03/2020
Edição de 2019 do evento contou com mais de 29 mil participantes; grandes empresas da área de jogos apresentam na conferência suas novidades para o ano
Edição de 2019 do evento contou com mais de 29 mil participantes; grandes empresas da área de jogos apresentam na conferência suas novidades para o ano (Foto: Divulgação/GDC/Trish Tunney)

Outro grande evento da área de tecnologia está sob risco de não acontecer devido ao surto mundial de coronavírus, que já infectou quase 90 mil pessoas e levou a óbito mais de 3 mil. Após o cancelamento da edição 2020 da Mobile World Congress (MWC), feira de tecnologia móvel que acontece anualmente em Barcelona, na Espanha, a Game Developers Conference (GDC), evento sediado em São Francisco, nos Estados Unidos, foi adiada sem data definida, também devido à possibilidade de contágio.

A conferência acontece desde 1988 e é um dos maiores espaços mundiais sobre jogos eletrônicos, contando com a presença de grandes desenvolvedores, fabricantes de eletrônicos e jornalistas da área. Em 2019, 29 mil pessoas compareceram ao evento. Ao contrário da MWC, que teve sua edição deste ano cancelada, os planos da organização da GDC é que ela aconteça em algum momento do verão no hemisfério norte, que vai de junho a setembro.

Empresas como Microsoft, Sony, Unity, Epic Games, Kojima Productions e Facebook, grandes nomes da área de jogos, anunciaram durante o mês de fevereiro que não compareceriam ao evento. O cancelamento das participações aconteceu para evitar que os funcionários corressem o risco de contágio pelo coronavírus.

A empresa por trás do evento, Informa, disse que irá ressarcir os ingressos já comprados, mas ainda não deu detalhes de como isso vai ocorrer. A organização não-governamental Gamedev.World, que realiza conferências online sobre jogos, anunciou uma campanha de arrecadação de fundos para ajudar desenvolvedores independentes a compensar despesas com emissão de vistos, cancelamento de passagens e reservas de hospedagem.