PUBLICIDADE
Notícias

Usuários do Tinder poderão utilizar botão "desfazer"

Membros do aplicativo, que permite conhecer pessoas interessantes em lugares próximos, agora têm a chance de voltar atrás, após rejeitar perfis sem querer. Nova versão, no entanto, será paga

14:18 | 06/11/2014
NULL
NULL

A partir desta quinta-feira, 06, usuários do Tinder terão ao alcance um novo recurso: o botão "desfazer", conforme anunciou ao site Tech Crunch o co-fundador do  aplicativo de relacionamentos, Sean Rad.   

É comum que usuários deslizem sem querer o dedo para a esquerda, eliminando acidentalmente uma potencial paquera, fato que justifica a solicitação mais intensa pelo botão "voltar".

Embora seja visível para todos e pareça realizar o sonho de muitos solteiros, a novidade é ainda experimental e não será de graça.

Para funcionar de verdade e desfazer os deslizes para a esquerda, os usuários deverão aderir à versão Tinder Plus, que é paga, que terá preços experimentais, de US$ 0,99 (R$ 2,49) a US$ 19,99 (R$ 50,30) em alguns mercados.    

O Tinder Plus estará inicialmente disponível apenas para alguns usuários no Brasil, Reino Unido e Alemanha. Além do botão "desfazer" os membros da rede também poderão contar com uma nova funcionalidade, batizada de "Passport", em que podem procurar pessoas fora de sua região.

Redação O POVO Online

TAGS