PUBLICIDADE
Saúde
NOTÍCIA

Prefeitura do Rio divulga calendário de vacinação contra covid-19

21:05 | 23/03/2021
Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos. (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos. (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A prefeitura do Rio de Janeiro divulgou hoje (23) novo calendário de vacinação contra a covid-19, que prevê imunizar mulheres e homens entre 66 e 73 anos de idade, sempre de acordo com a chegada de doses enviadas pelo Ministério da Saúde.

O anúncio de novas medidas restritivas, que entram em vigor por dez dias, a partir de sexta-feira (26),  não interfere na vacinação da capital. Homens e mulheres continuarão sendo vacinados em dias diferentes, para evitar aglomeração nos postos de saúde.

Nesta quarta-feira, (24) serão vacinadas mulheres de 73 anos. Homens da mesma idade, serão vacinados na quinta-feira (25). Na sexta-feira (26) serão imunizadas mulheres com 72 anos e, no sábado (27), pessoas com 72 anos ou mais.

Na próxima semana, a partir da segunda-feira (29), o calendário de  vacinação prossegue, com as mulheres de 71 anos sendo imunizadas em dias diferentes dos homens, para evitar aglomerações nos postos. No dia seguinte, (30) será a vez dos homens com 71 anos.  Na quarta-feira (31), mulheres com 70 anos e, no dia seguinte, homens com a mesma idade. Na sexta-feira, (2) será a vez das mulheres com 69 anos. No sábado (3), será o  dia da “repescagem”, da semana, com  pessoas de 69 anos ou mais.

Na outra semana, de 5 a 10 de abril, vão ser vacinadas, pessoas entre 66 e 68 anos. No sábado (10), será a vez de pessoas nessa faixa que não puderam se vacinar no dia marcado.