Pernambuco tem cinco militantes em um mesmo mandato
PUBLICIDADE
Notícias


Pernambuco tem cinco militantes em um mesmo mandato

13:40 | 15/10/2018
Carol Vergolino, Jô Cavalcanti, Joelma Carla, Katia Cunha e Robeyoncé Lima são cinco militantes de causas sociais distintas: moradia, visibilidade da população LGBTI+, políticas públicas para juventude, valorização da cultura e educação pública.

A partir de 1º de fevereiro de 2019, as bandeiras - e outras que elas pretendem incluir - estarão em um único mandato da Assembleia Legislativa de Pernambuco. As codeputadas formam o "Juntas", candidatura do PSOL que teve 39.175 votos oriundos de 177 dos 185 municípios pernambucanos nas eleições deste ano e inaugura no Estado o modelo coletivo de legislatura.

"A primeira impressão é de estranhamento diante de uma candidatura coletiva, porque as pessoas estão acostumadas com a velha personificação de apenas um deputado. Quando entendem a proposta, logo se encantam", disse a bacharela em Direito e servidora pública, Robeyoncé. "E se reencantam pela política", completou a professora Kátia.

A proposta incomum, que teve de ser explicada exaustivamente durante a campanha, partiu da jornalista Carol, que se inspirou no "Muitas", mandato coletivo também do PSOL, eleito em 2016 para a Câmara Municipal de Belo Horizonte. Como no episódio mineiro, a Justiça Eleitoral autorizou apenas a foto de uma na urna. A escolhida foi Jô, que também deve representar o grupo na posse.

As codeputadas pretendem dividir tudo, desde o vencimento de pouco mais de R$ 25 mil, pago a um deputado em Pernambuco, até os pronunciamentos no plenário. A atuação parlamentar do grupo deve focar nas áreas de atuação de cada uma, do Direito à comunicação, na defesa da agroecologia, geração de empregos e políticas para as mulheres.

De acordo com o grupo, está sendo composto um conselho político com representantes de movimentos sociais. O grupo vai atuar em todo o trabalho legislativo. "Nós vamos revolucionar a Assembleia Legislativa de Pernambuco", disse Carol.

Agência Estado

TAGS