PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Marina critica Bolsonaro em debate: "Você acha que pode resolver tudo no grito, na violência"

00:30 | 18/08/2018
NULL
NULL (Foto: )
[FOTO1]

Marina Silva (Rede) e Jair Bolsonaro (PSL) protagonizaram o momento mais quente da terceira parte do debate da RedeTV!. A ex-senadora chamou a atenção do deputado sobre sua resposta em relação às propostas para as mulheres, dada no bloco anterior. "Você não sabe o que é ser mulher, ter as mesmas qualificações de um homem e ser a primeira a ser demitida", disse. Antes, quando questionado sobre o tema, o Bolsonaro havia afirmado que era necessário apenas "cumprir a Constituição" e reclamou que tentavam colocar as mulheres contra ele.

 

Marina Silva também foi enfática ao afirmar que Bolsonaro acredita poder resolver os problemas do Brasil, como a desigualdade salarial entre gêneros e a segurança pública, "no grito e na violência". 

 

"Você acha que pode resolver tudo no grito, na violência", retrucou Marina ao receber o direito da tréplica. "Nós somos mães, nós educamos os nossos filhos. A coisa que uma mãe mais quer é ver um filho sendo educado para ser um cidadão de bem. E você fica ensinando para os nossos jovens que têm de resolver as coisas na base do grito, Bolsonaro. Você é um deputado, você é pai de família. Você um dia desse pegou a mãozinha de uma criança e ensinou como é que se faz para atirar", afirmou. 

 

[SAIBAMAIS] 

Sobre as repetidas referências de Bolsonaro ao fato de ser evangélica e defender o plebiscito sobre o aborto, Marina ainda defendeu: "o Estado é laico". A fala de Marina foi parabenizada, posteriormente, por Guilherme Boulos (Psol).

 

Ciro Gomes (PDT) escolheu novamente Geraldo Alckmin (PSDB)para dirigir sua pergunta, sobre política industrial e câmbio. O tucano disse que uma política fiscal bem resolvida deve colocar o câmbio no lugar e reiterou que vai zerar o déficit em dois anos. O pedetista, por sua vez, criticou a política de juros nos governos petistas, que valorizaram o câmbio e, com isso, provocaram o fechamento de milhares de indústrias.

 

A Ciro, Marina Silva (Rede) perguntou sobre as políticas para indígenas. O pedetista disse que é preciso colocar em prática medidas que já existem em lei, como o zoneamento econômico e ecológico, e lembrou de sua vice, Katia Abreu, que vai ajudá-lo a encontrar o "equilíbrio" entre o meio ambiente e o agro.

Agência Estado

TAGS