Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Juiz que mandou prender Milton Ribeiro diz estar sofrendo ameaças

A assessoria de comunicação da Justiça informou ainda que medidas para coibir as ameaças de agressões já estão sendo tomadas. Os pedidos de investigação foram encaminhados à Polícia Federal

O juiz federal Renato Borelli, autor do mandado de prisão expedido contra o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro, na quarta-feira, 22, por meio de uma operação da Polícia Federal (PF), afirma estar sofrendo ameaças de grupos de apoio do pastor. A assessoria de comunicação do magistrado, da 15ª Vara Federal de Brasília, diz que já foram registradas centenas de ameaças. A informação foi confirmada pela Justiça Federal.

A assessoria de comunicação da Justiça informou ainda que medidas para coibir as ameaças de agressões já estão sendo tomadas. Os pedidos de investigação foram encaminhados à PF. 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O ex-ministro da Educação foi preso em uma operação da PF que investiga a prática de tráfico de influência e corrupção para a liberação de recursos públicos do MEC. Nesta quinta-feira, 23, por volta das 14 horas, ele deve passar por uma audiência de custódia.

A assessoria da Justiça Federal afirmou que o vídeo da audiência deve ser liberado após sua conclusão. O juiz responsável pelo caso e vítima das ameaças sofrido por grupos de apoio de Ribeiro afirma já ter liberado o acesso das decisões aos advogados. 

O juiz Renato Borelli foi responsável por outras decisões contra políticos brasileiros, como é o caso de um mandato que obrigou o presidente Jair Bolsonaro (PL) a usar máscara em espaços públicos e estabelecimentos comerciais do Distrito Federal, em Brasília. Ele também foi autor de um pedido para que ex-presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha (PT-SP), ressarcisse os cofres públicos em R$ 11 milhões em um caso envolvendo o escândalo do mensalão.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar