Participamos do

Michelle e Damares se tornam apoio de Bolsonaro na busca do voto feminino

A estratégia é observada nas transmissões ao vivo semanais realizadas por Bolsonaro já em março, mês marcado pela luta da visibilidade feminina. Em todas, o mandatária esteve ao lado de uma mulher
19:00 | Abr. 27, 2022
Autor Filipe Pereira
Foto do autor
Filipe Pereira Repórter de Política
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A campanha do presidente Jair Bolsonaro articula estratégias para buscam o considerável eleitorado feminino para as eleições de outubro. Como estratégia, o grupo pretende usar a imagem da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e da ex-ministra Damares Alves (Republicanos). 

O objetivo é reconquistar a aceitação entre as eleitoras brasileiras, desgastada com o tempo. Bolsonaro já vem tomado posicionamentos simbólicos em torno da estratégia de campanha. A estratégia é observada nas transmissões ao vivo semanais realizadas por Bolsonaro já em março, mês marcado pela luta da visibilidade feminina. Em todas, o mandatário esteve ao lado de uma mulher.

Dados da pesquisa FSB/BTG, divulgada nesta segunda-feira, 25, mostra que Bolsonaro, mesmo com os movimentos adotados nas últimas semanas, segue fortemente rejeitado pelo eleitorado feminino no Brasil.   O governo é ruim ou péssimo para 56% da público. Parte das eleitoras que avalia o governo ótimo ou bom é de 22%, contra 39%. O governo é regular para 20% das mulheres. 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Por outro lado, segundo a pesquisa, 41% dos entrevistados do sexo masculino indicam Bolsonaro como seu candidato, contra 36% que escolheram Lula. O petista é o candidato preferido entre as mulheres, que são maioria na população e no eleitorado. Ele tem 47% do voto feminino, contra 24% de mulheres que votam em Bolsonaro.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar