Participamos do

Camilo vê dificuldades para 3ª via na eleição presidencial

Governador do Ceará defende aliança das forças progressistas no primeiro turno se possível, ou ao menos no segundo turno
18:48 | Dez. 17, 2021
Autor Érico Firmo
Foto do autor
Érico Firmo Editor e Colunista
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O cenário para a terceira via não está fácil, aponta o governador Camilo Santana (PT), a partir das pesquisas eleitorais. Apesar disso, ele pondera que o que há é uma situação de momento e não descarta que haja surpresas.

"O cenário, pelo menos o que as pesquisas estão apresentando, tem colocado dificuldades nessa terceira via. Porém, repito, pesquisa é uma situação de momento, tudo pode mudar. Principalmente neste país, que as coisas acontecem repentinamente. (Coisas) inusitadas". A declaração foi feita em entrevista ao programa Jogo Político, nesta sexta-feira, nas mídias do O POVO.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Camilo é aliado de Ciro Gomes (PDT), um dos nomes que tentam se colocar como candidato de terceira via. Ele está em disputa direta, conforme as pesquisas, com Sergio Moro (Podemos) e João Doria (PSDB). O governador é ainda do mesmo partido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Camilo é a favor de uma aliança entre as forças progressistas. "Vou continuar defendendo a tese: quanto mais propostas se apresentem para o eleitorado brasileiro, melhor para a democracia. Porém, eu defendo e acredito que os candidatos, os nomes que estão colocados, que são nomes progressistas precisam dialogar e construir os caminhos, se possível no primeiro turno. Se não possível, no segundo turno."

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags