PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Homem suspeito de ameaçar de morte vereadora de Fortaleza é preso

Captura ocorreu cerca de 12 horas após o registro da ocorrência pela vereadora Larissa Gaspar (PT), que relatou ter recebido ameaças de morte nas redes sociais

14:47 | 28/07/2021
A vereadora Larissa Gaspar (PT) foi ameaçada de morte nas redes sociais na última terça-feira, 27 de julho de 2021 (Foto: Barbara Moira)
A vereadora Larissa Gaspar (PT) foi ameaçada de morte nas redes sociais na última terça-feira, 27 de julho de 2021 (Foto: Barbara Moira)

O homem suspeito de ameaçar a vereadora de Fortaleza Larissa Gaspar (PT) foi preso, na última terça-feira, 27, no Bairro Jardim Guanabara, na Capital, por agentes da Polícia Civil. O suspeito, de 27 anos, não ofereceu resistência no momento da abordagem e foi conduzido para a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), segundo informações da Secretaria da Segurança Pública (SSPDS).

A captura ocorreu cerca de 12 horas após o registro da ocorrência pela vereadora que relatou ter recebido ameaças de morte nas redes sociais e registrou um boletim de ocorrência naquele dia. Na sede da Draco, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por ameaça. 

O suspeito utilizou-se uma conta falsa no Instagram para realizar as ameaças. Uma das mensagens à vereadora dizia: "Estamos planejando sua morte, então cuidado com sua família ou na hora de sair de casa". Larissa teve ainda seu nome marcado em outra postagem, pelo mesmo perfil, onde armas de fogo e munições são exibidas.

As investigações apontam que o homem, sem antecedentes criminais, "não integra organização criminosa e que as ameaças foram motivadas pelo trabalho desenvolvido pela vítima na Câmara Municipal de Fortaleza", mais especificamente devido a projeto de autoria da parlamentar que proíbe a queima de fogos de artifício barulhentos na Cidade. O PL já recebeu a sanção do prefeito José Sarto (PDT).

Petistas e políticos de outras legendas solidarizaram-se com Gaspar que, após a notícia da prisão, celebrou o trabalho das forças de segurança. "Feliz por tanta solidariedade e carinho recebidos ontem, toda violência política precisa ser duramente combatida. Seguimos na luta! Obrigada", escreveu.

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), foi um dos que se solidarizou com a parlamentar, prometendo apuração rápida por meio das forças de segurança. "Minha solidariedade à vereadora Larissa Gaspar, que sofreu ameaças de morte pelas redes sociais. Que a pessoa responsável por tentar intimidar a parlamentar seja identificada e punida dentro da lei", reforçou.