PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Senadores contestam Dias com citações a ele acessadas em documentos da CPI

17:33 | 07/07/2021

Senadores da CPI da Covid voltaram a questionar o papel de Roberto Ferreira Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, na negociação de vacinas contra a covid-19. Integrantes da comissão dizem que documentos recebidos pelo colegiado mostram que ele teve uma participação ativa nessas conversas.

Dias, no entanto, voltou a dizer que não negociou a compra de vacinas com empresas ou parlamentares. Ele foi demitido do Ministério da Saúde após o cabo Luiz Paulo Dominguetti acusá-lo de pedir propina em uma venda de 400 milhões de doses do imunizante da Astrazeneca, mas sem apresentar provas.

Durante o depoimento, ex-diretor tem repetido que toda a negociação envolvendo os imunizantes foi concentrada na secretaria-executiva do ministério, então sob o comando de Elcio Franco.