PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Aliança entre PT e os Ferreira Gomes completa 15 anos sob forte tensão

O jornalista e colunista do O POVO Érico Firmo analisa essa união que instaurou uma nova hegemonia no Estado a partir de 2006

11:36 | 01/07/2021
Visita da Presidenta do Brasil  Dilma Rousseff a Maracanaú e Caucaia
Na foto: Governador Cid Gomes conversa com a Prefeita Luizianne Lins, em solenidade na estação Joaquim Távora em Maracanaú
Foto: Edimar Soares, em 27/02/2012 *** Local Caption *** Publicada em 28/02/2012 - PO 19
Publicada em 10/06/2012 - PO 22
Publicada em 17/06/2012 - PO 25 (Foto: EDIMAR SOARES)
Visita da Presidenta do Brasil Dilma Rousseff a Maracanaú e Caucaia Na foto: Governador Cid Gomes conversa com a Prefeita Luizianne Lins, em solenidade na estação Joaquim Távora em Maracanaú Foto: Edimar Soares, em 27/02/2012 *** Local Caption *** Publicada em 28/02/2012 - PO 19 Publicada em 10/06/2012 - PO 22 Publicada em 17/06/2012 - PO 25 (Foto: EDIMAR SOARES)

Em 25 de junho de 2006, durante convenção que homologou o nome de Cid Gomes como candidato ao Governo do Estado, era selada a aliança entre o PT e os Ferreira Gomes. Entre os personagens que garantiram essa união, estava a então prefeita de Fortaleza Luizianne Lins (PT), que indicou o vice na chapa de Cid, o também petista Professor Pinheiro.

De lá para cá, a parceria passou por turbulências, com rompimentos a nível municipal. Luizianne e os Ferreira Gomes viraram arquirrivais depois das eleições de 2012, quando o grupo de Cid, Ciro e Ivo resolveu lançar Roberto Cláudio como candidato ao Paço Municipal, derrotando o nome do PT na disputa, o hoje deputado Elmano de Freitas.

Em nível estadual, a aliança se mantém firme, com um petista no comando do Palácio da Abolição: Camilo Santana. Entretanto, o acordo que garantiu a hegemonia política no Estado nos últimos 15 anos passa por um novo teste. Enquanto o PT deverá ter o ex-presidente Lula como candidato ao Palácio do Planalto, o PDT apresenta o nome do ex-ministro Ciro Gomes. Duras críticas do pedetista a Lula têm incomodado petistas no Ceará, colocando a união mais uma vez em xeque. Resistirá ela a mais uma prova de fogo? Quais os momentos mais importantes dessa aliança? É o que analisa o jornalista Érico Firmo no quadro Histórias do Poder, que integra o programa Jogo Político. Acompanhe: