PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Lula amplia vantagem em 2° turno contra Bolsonaro, indica pesquisa XP

Levantamento também projetou segundo turno entre o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) e Bolsonaro; pedetista tem 41% das intenções de voto contra 37% do atual gestor

14:02 | 11/06/2021
São Paulo, Brasil, em 10 de março de 2021. Ex-presidente brasileiro (2003-2011) Luiz Inácio Lula da Silva, dá entrevista coletiva no prédio do sindicato dos metalúrgicos em São Bernardo do Campo, na região metropolitana. - A sentença que anulou ex- as convicções de corrupção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva viraram a política brasileira e configuraram um confronto eleitoral potencial entre o ícone da esquerda manchada e seu rival, o presidente de extrema direita Jair Bolsonaro. (Foto de Miguel SCHINCARIOL / AFP) (Foto: MIGUEL SCHINCARIOL / AFP)
São Paulo, Brasil, em 10 de março de 2021. Ex-presidente brasileiro (2003-2011) Luiz Inácio Lula da Silva, dá entrevista coletiva no prédio do sindicato dos metalúrgicos em São Bernardo do Campo, na região metropolitana. - A sentença que anulou ex- as convicções de corrupção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva viraram a política brasileira e configuraram um confronto eleitoral potencial entre o ícone da esquerda manchada e seu rival, o presidente de extrema direita Jair Bolsonaro. (Foto de Miguel SCHINCARIOL / AFP) (Foto: MIGUEL SCHINCARIOL / AFP)

Pesquisa XP/Ipespe deste mês de junho aponta que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ampliou vantagem contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em eventual segundo turno da eleição presidencial. Com 45% das intenções de voto, o petista abriu nove pontos de vantagem sobre Bolsonaro, que registrou 36% da preferência.

Na última pesquisa, a diferença entre Lula e Bolsonaro era de dois pontos percentuais, quando o petista tinha 42% da preferência do eleitorado ante 40% do presidente. Em simulação de segundo turno contra o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), o placar também é desfavorável a Bolsonaro; Ciro tem 41% das intenções de voto contra 37% do atual gestor.

O levantamento foi feito entre os dias 7 e 10 deste mês. O Ipespe fez 1.000 entrevistas telefônicas por meio de operadores devidamente treinados.

No 1° turno, o levantamento mostra Lula na frente com 32% contra 28% do atual presidente. Em maio, a mesma pesquisa mostrava Lula e Bolsonaro empatados com 29% cada. Ciro Gomes (PDT) registrou 6% das intenções de votos. O ex-juiz Sergio Moro teve 7% e o apresentador Luciano Huck chegou aos 4%.