PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Doria: tenho certeza que muitas vozes vão se levantar em defesa do Brasil

16:50 | 15/01/2021

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), voltou a reforçar, nesta sexta-feira (15) críticas ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e disse ter certeza de que "muitas vozes vão começar a se levantar em defesa do Brasil" e contrárias à atual atuação do Executivo. "Se não fizermos isso, Brasil estará em dois anos destruído pela inépcia", afirmou o governador.

Em coletiva no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, ao lado do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do deputado federal e candidato à sucessão da Casa Baleia Rossi (MDB-SP), Doria repudiou as declarações do presidente de que o Brasil estaria quebrado, e de que não seria possível fazer mais pelo País. "Esse não é o Brasil que eu amo e gosto", disse.

Apesar das críticas, Doria afirmou, sobre as manifestações convocadas para este domingo (17) contrárias ao presidente Jair Bolsonaro, que "não é o momento para aglomerações". No lugar, o governador de São Paulo sugeriu às pessoas que se manifestassem de suas janelas, por meio de panelaços, ou pelas redes sociais.

Mais cedo, durante coletiva de imprensa convocada para o almoço, Doria se exaltou ao comentar a falta de oxigênio em Manaus, capital do Amazonas, pela alta demanda, em razão do aumento de internações pela covid-19, que atinge, inclusive, bebês recém-nascidos. Para Dória, "não ter oxigênio disponível para bebês é uma irresponsabilidade do governo Bolsonaro".