PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Correção: Samba, eletrônico, funk e sertanejo animam jingles

13:36 | 09/10/2020

A matéria enviada anteriormente continha um erro no quinto parágrafo. Orlando Silva não é o único candidato negro à prefeitura de SP. Segue a versão corrigida:

A propaganda eleitoral no rádio e TV começa nesta sexta-feira, 9, e os candidatos a prefeito na capital produziram jingles com ritmos que vão do pop eletrônico à roda de samba, passando pelo sertanejo e o funk. As músicas foram produzidas com o intuito de colar na cabeça do eleitor a mensagem principal de cada candidato.

Líder nas pesquisas, Celso Russomanno (Republicanos) vai colocar no ar um jingle com tom gospel que exalta a aliança dele com o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido). Já Bruno Covas (PSDB), segundo colocado, optou por um ritmo samba funk com arranjos eletrônicos, que associa sua luta pessoal contra o câncer e os desafios da cidade. O refrão é "força, foco e fé".

Guilherme Boulos (PSOL) recorreu a uma mistura de funk e música de escola de samba para atrair a atenção dos eleitores da periferia, no qual exalta a ex-prefeita Luiza Erundina (PSOL), sua candidata a vice. O ex-governador Márcio França (PSB) aposta no ritmo sertanejo em um jingle que fala em "12 milhões de corações", "povo que trabalha" e rima "mudança" com Márcio França.

Orlando Silva (PCdoB) usou uma roda samba para martelar o refrão "preto, prefeito preparado" e "é mais um Silva como nós".

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.